Clique e assine com 88% de desconto

Rodrigo Santoro fala sobre papel de professor cubano em ‘O Tradutor’

Ator brasileiro interpreta especialista em língua russa recrutado para intermediar relação entre crianças de Chernobyl e médicos cubanos.

Por da Redação - 6 abr 2019, 13h00

Rodrigo Santoro já atuou em inglês, espanhol e agora se arrisca até mesmo no russo. Em O Tradutor, drama inspirado em fatos reais que já está em cartaz nos cinemas, o ator brasileiro interpreta um cubano que trabalha como professor de literatura russa nos últimos anos da década de 80 – período marcado pelo fim da Guerra Fria e por um dos maiores desastres da humanidade: o acidente nuclear na usina de Chernobyl, na Ucrânia. Quando isso acontece, parte das vítimas são transportadas para Cuba para receber tratamento, e o personagem de Santoro é recrutado para atuar como tradutor entre os pacientes da ala infantil no hospital de Havana e seus médicos. Em entrevista a VEJA, o ator falou sobre a experiência de mergulhar em culturas tão distintas, os conflitos que seu personagem enfrenta e o desafio de trabalhar rodeado por crianças.

Veja mais em: http://bit.ly/2uQgDE0

Publicidade