Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Saiba quais vereadores votaram contra o Uber em São Paulo

Proibição recebeu 43 votos a favor e apenas três contra. Houve cinco abstenções

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou em segunda votação nesta quarta-feira o veto a modalidades de transporte que usam aplicativos como o Uber na capital paulista. Sob pressão de taxistas, que bloquearam as ruas de acesso ao Parlamento, os vereadores na prática proibiram o funcionamento do aplicativo, com o veto às caronas remuneradas. A norma foi proposta pelo vereador Adilson Amadeu (PTB) e segue agora para sanção do prefeito Fernando Haddad (PT). O texto recebeu 43 votos a favor e apenas três contra. Houve cinco abstenções. Saiba como cada vereador votou na lista abaixo.

Não

José Police Neto – PSD

Mario Covas Neto – PSDB

Toninho Vespoli – Psol

Sim

Abou Anni – PV

Adilson Amadeu – PTB

Adolfo Quintas – PSDB

Alessandro Guedes – PT

Alfredinho – PT

Anibal de Freitas – PSDB

Antonio Donato – PT

Ari Friedenbach – Pros

Arselino Tatto – PT

Atílio Francisco – PRB

Aurélio Miguel – PR

Aurélio Nomura – PSDB

Calvo – PMDB

Conte Lopes – PTB

Dalton Silvano – PV

Edir Sales – PSD

Eduardo Tuma – PSDB

Eliseu Gabriel – PSB

Gilson Barreto – PSDB

Jair Tatto – PT

Jonas Camisa Nova – DEM

Juliana Cardoso – PT

Marquito – PTB

Nelo Rodolfo – PMDB

Netinho de Paula – PC do B

Noemi Nonato – Pros

Ota – Pros

Paulo Fiorilo – PT

Paulo Frange – PTB

Pastor Edmilson Chaves – PP

Quito Formiga – PR

Reis – PT

Ricardo Nunes – PMDB

Ricardo Teixeira – PV

Rodolfo Despachante – PHS

Salomão Pereira – PSDB

Sandra Tadeu – DEM

Senival Moura – PT

Toninho Paiva – PR

Ushitaro Kamia – PSD

Valdecir Cabrabom – PTB

Vavá – PT

Wadih Mutran – PP

Abstenção

Andrea Matarazzo – PSDB

Claudio Fonseca – PPS

David Soares – PSD

George Hato – PMDB

Gilberto Natalini – PV

(Da Redação)

Member of The Internet Defense League