Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rede de traição: após vazamento de dados, suspeita de dois suicídios

Polícia do Canadá investiga a ligação das mortes com vazamento de informações de mais de 30 milhões de clientes do site de relacionamento extraconjugal Ashley Madison

A polícia de Toronto, no Canadá, afirmou nesta segunda-feira que dois suicídios podem ter ocorrido por causa do vazamento de dados do site de relacionamento extraconjugal Ashley Madison. A empresa Avid Life Media, dona do site, está oferecendo uma recompensa de 380.000 dólares (cerca de 1,35 milhão de reais) por informações que levem à captura dos hackers que divulgaram informações pessoais dos usuários do site. Segundo o superintendente da polícia de Toronto, Bryan Evans, os suicídios ainda não foram confirmados e a investigação do caso está em andamento.

São Paulo, a cidade da traição

‘Wikileaks’ da traição: hackers prometem divulgar dados de site de adultério

As redes sociais para trair

Sete apps para quem quer namorar – ou ficar

Sexting adolescente, um convite para o sexo

(Com agência Reuters)

Member of The Internet Defense League