Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Raymond Tomlinson, ‘o pai do e-mail’, morre aos 74 anos

O americano é considerado o criador do e-mail como conhecemos atualmente, com o símbolo @ e com as categorias "assunto" e "para"

O engenheiro Raymond Tomlinson, considerado o inventor do e-mail, morreu no sábado aos 74 anos. A informação foi divulgada no Twitter por outro pioneiro da internet, Vinton Gray Cerf. A causa da morte ainda não foi confirmada, mas a suspeita é de que Tomlinson teria sofrido um ataque cardíaco.

Em 1971, o americano trabalhava na empresa BBN, que ajudou a desenvolver uma espécie de antecessora da internet, a Arpanet, na época uma rede de comunicação entre cientistas. Naquele ano, Tomlinson desenvolveu o e-mail praticamente com os mesmos recursos básicos de hoje como o uso do símbolo @ para distinguir o nome da pessoa do servidor e as categorias “assunto” e “para” (destinatários).

Tomlinson nasceu em 1941, na cidade de Amsterdam, estado de Nova York, nos Estados Unidos. Na década de 1960, formou-se em engenharia elétrica no Instituto Politécnico Rensselaer, trabalhou na IBM e concluiu um mestrado na mesma área no Massachusetts Institute of Technology (MIT), uma das mais conceituadas universidades americanas.

Ao longo de sua carreira foi homenageado em diversas premiações. Em 2009, recebeu o prêmio “Príncipe de Astúrias de Investigação Científica” por revolucionar a forma de comunicação com a invenção dos endereços eletrônicos e, em 2012, foi incluído no Hall da Fama da internet, um museu virtual para reconhecer figuras importantes da ciência e da tecnologia.

Leia também:

Cientistas propõem usar raio laser para destruir lixo espacial

Laser de Blu-ray explode 100 balões em oito segundos

(Com Agência EFE)

Member of The Internet Defense League