Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Injeção contra colesterol é aprovada nos Estados Unidos

O novo medicamento é uma alternativa às estatinas e é indicado para pessoas que tem o colesterol ruim (LDL) alto.

Um novo medicamento para o tratamento do colesterol ruim (LDL) alto foi aprovado pela FDA, a agência reguladora de alimentos e remédios nos Estados Unidos. O evolocumab, cujo nome comercial é Repatha, é o segundo remédio injetável desenvolvido para o tratamento de pacientes com o problema, tornando-se mais uma alternativa às estatinas.

O tratamento foi aprovado para pessoas que têm um alto nível de “colesterol ruim” devido a questões hereditárias ou que têm as artérias obstruídas, condições que aumentam o risco de doenças cardíacas. O Repatha é fabricado pela Amgen e faz parte de uma nova classe de anticorpos inibidores da proteína PCSK9, atuando no fígado para baixar o colesterol.

Estudos com o evolocumab mostraram que os pacientes que tomaram a medicação por 12 semanas tiveram uma redução de 60% dos níveis de LDL, comparado a pacientes que tomaram placebo.

Entre os efeitos colaterais mais comuns do remédio estão infecção respiratória, dor nas costas e vermelhidão no local onde a injeção é aplicada. Ainda não há previsão para o evolocumab ser aprovado no Brasil.

Leia também:

Comitê da FDA dá sinal verde para novo medicamento contra o colesterol

Viagra feminino foi aprovado nos Estados Unidos

Member of The Internet Defense League