Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA recomendam uso diário de aspirina para prevenir doenças

Segundo painel americano, o objetivo é reduzir o risco de problemas cardiovasculares e câncer de cólon. A recomendação de uma dose por dia do medicamento pode ser válida para adultos com idades entre 50 a 69 anos

Pessoas com mais de 50 anos devem tomar uma dose de aspirina por dia para prevenir ataques cardíacos, acidente vascular cerebral (AVC) e câncer colorretal. De acordo com Força Tarefa de Serviços Preventivos dos Estados Unidos (USPSTF, sigla em inglês), um painel de especialistas com apoio federal, a recomendação é válida para adultos com idades entre 50 a 69 anos que tenham risco aumentado de problemas cardiovasculares. A orientação foi publicada nesta terça-feira no Annals of Internal Medicine.

Esta é a primeira vez que o grupo de especialistas recomenda a aspirina como forma de prevenir doenças cardiovasculares e câncer do cólon. No entanto, a nova orientação aplica-se apenas a pessoas que não tenham risco aumentado para sangramento gastrointestinal e com pelo menos 10 anos de expectativa de vida. Se enquadram no perfil também aqueles que têm, há mais de uma década, uma probabilidade 10% ou maior de risco de ataque cardíaco ou AVC.

Leia também:

Aspirina diminui risco de câncer colorretal – mas não para todos

Uso diário de aspirina previne câncer e reduz mortalidade da doença

“Antes de começar a tomar aspirina para a prevenção, as pessoas com idades entre 50 e 69 devem conversar com o médico para compreender o risco de doença cardiovascular e risco de hemorragia”, ressalta Kirsten Bibbins-Domingo, presidente da força-tarefa e professora de medicina e de epidemiologia e bioestatística na Universidade da Califórnia, San Francisco.

De acordo com os especialistas, uma dose baixa de aspirina (81mg) por dia seria mais benéfica para pessoas com idades entre 50 e 59 anos. Já aquelas na faixa-etária entre 60 e 69 anos devem conversar com o médico sobre qual seria a dosagem mais indicada, já que o medicamento pode aumentar o risco de hemorragia e estas pessoas já correm maior perigo devido à idade.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League