Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Consumo de batata aumenta risco de diabetes na gravidez

Após análise de mais de 21 mil gestações, pesquisadores da Universidade Harvard concluíram que mulheres com uma dieta rica em batatas antes da gravidez tiveram aumento do risco de diabetes gestacional

Uma pesquisa publicada recentemente no periódico científico BMJ revelou que o alto consumo de batata (incluindo os salgadinhos do tipo batata chips) antes da gravidez pode aumentar o risco de desenvolver diabetes durante a gestação. O estudo foi conduzido por pesquisadores americanos da Universidade Harvard e pelo Instituto Nacional de Saúde da Criança e Desenvolvimento Humano Eunice Kennedy Shriver.

Para realizar o experimento, 15 632 mulheres foram acompanhadas ao longo de uma década – elas faziam parte do Nurses Health Study II, um prestigioso estudo da Universidade Harvard que existe desde 1976 e avalia a saúde de milhares de mulheres. Ao longo dos dez anos de estudo, ocorreram 21 693 gestações entre as voluntárias. A cada quatro anos elas respondiam questionários sobre seus hábitos alimentares — incluindo o consumo de batatas.

De todas as mulheres que ficaram grávidas durante o estudo, 854 delas tiveram diabetes gestacional – uma condição que ocorre durante a gravidez pelo aumento dos níveis de glicose no sangue e que pode ser curada após o parto. Contudo, as mulheres que sofrem com esse problema podem ter mais riscos de desenvolver diabetes tipo 2 posteriormente.

Leia também:

A volta da perigosa dieta do hormônio da gravidez

Gestantes não devem beber uma só gota de álcool — e em qualquer fase da gravidez

Após considerar fatores como idade, histórico familiar de diabetes, prática de atividades físicas, hábitos alimentares e índice de massa corpórea, os pesquisadores observaram que o alto consumo de batata antes da gravidez foi fortemente associado com uma elevação do risco de desenvolver diabetes gestacional. As razões pelas quais essa ligação acontece, contudo, ainda são desconhecidas pelos cientistas.

O estudo também revelou que quando se consomem duas porções a menos de batata por semana, substituindo-as por outros vegetais, legumes ou alimentos integrais, pode haver uma redução de até 12% do risco de desenvolver diabetes durante a gestação.

Member of The Internet Defense League