Clique e assine com 88% de desconto

Teste de Podcsat – com audio

teste de audio de poscast

Por andreialuzduarte - Atualizado em 12 dez 2019, 16h28 - Publicado em 10 out 2019, 18h53

O ministro Sergio Moro, em entrevista à VEJA, diz que não será candidato em 2022 e comentou a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo o ex-juiz, não houve nenhum excesso na Lava Jato e o petista está preso porque cometeu crimes, além de afirmar que a Petrobras foi saqueada.

 

 

Dora Kramer destaca a maneira moderada que Moro falou sobre temas polêmicos, como o pacote anticrime. Na opinião dela, o ministro entendeu como se comportar como um verdadeiro político em Brasília. A colunista também se disse convencida que Moro, de fato, não quer ser candidato a presidente em 2022, mas não descarta a possibilidade de o ex-juiz sair para o Senado.

Publicidade