Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Regra muda e Libertadores não forçara confrontos nas semifinais

Final brasileira ganha mais força com mudança de regra

A Conmebol divulgou as regras da nova Libertadores nesta semana, criando algumas mudanças. A principal delas é que não haverá direcionamento na semifinal do torneio. Ou seja, caso dois clubes do mesmo país cheguem à semifinal, eles não serão obrigados a se enfrentar. Tudo será definido em sorteio.

Isso mostra que a Conmebol está disposta a valorizar sua nova forma de cruzamentos, repetindo o que acontece na Europa. A partir de agora, tudo será por sorteio. Já não haverá o cruzamento existente desde 2005, em que o primeiro colocado de melhor campanha enfrenta o pior segundo nas oitavas, e com confrontos direcionados até a final, com exceção se dois clubes do mesmo país chegassem à semifinal, fazendo com que se enfrentassem.
A partir de agora, tudo será definido em sorteio das oitavas de final. Daí em diante, os times serão direcionados. Esse sorteio definirá um possível confronto ou não de clubes do mesmo país na semifinal.
O sorteio nas oitavas terá dois potes com oito equipes. No primeiro, ficarão os primeiros colocados na fase de grupos. No segundo, os segundos colocados. Os time serão colocados em chaves de A a H. A partir daí, os cruzamentos até a final já estão definidos. 
Outra definição realizada após o lançamento das regras, é de como serão definidos os dois clubes que irão para a Sul-americana após perder nas fases Eliminatórias antes da fase de grupos. Os dois melhores eliminados garantem vaga na Sul-americana. Caso haja empate no número de pontos, os critérios de desempate serão saldo de gols, gols pró, gols marcados fora de casa e, por fim, colocação no Ranking da Conmebol.
Para as três primeiras fases eliminatórias, cada clube poderá inscrever 25 jogadores. Já para a fase de grupos em diante, cada time poderá ter 30 inscritos. As mudanças na lista acontecem nas oitavas de final e semifinal. Em cada uma das fases, cada time classificado poderá fazer três mudanças.
A final segue com disputa de prorrogação em caso de empate em pontos e saldo de gols. O gol fora de casa segue não sendo considerado.