Clique e assine com 88% de desconto

Fifa diz só reconhecer campeões mundiais organizados por ela

De acordo com a entidade, títulos de Grêmio, São Paulo, Santos e Flamengo seriam desconsiderados

Por da Redação - Atualizado em 26 out 2018, 16h23 - Publicado em 27 jan 2017, 15h05

É polêmica! Sim, sempre a mesma polêmica que vai e volta. Como havia feito em 2014, o jornal Estado de S. Paulo enviou uma carta à Fifa perguntando quem são os times campeões mundiais reconhecidos pela entidade.

Em 2015, ainda com Blatter no comando, a entidade havia dito que o título da Copa Rio de 1951, conquistado, pelo Palmeiras, era reconhecido como título mundial. À época, a entidade também considerava os títulos da Copa Intercontinental, organizados pela marca Toyota, no Japão, com os campeões da Libertadores e Liga dos Campeões.
Contudo, em novo comunicado, a entidade diz reconhecer só os títulos organizados pela entidade, como o de 2000 e a partir de 2005. “Em seu encontro em São Paulo no dia 7 de junho de 2014, o Comitê Executivo da Fifa concordou com o pedido apresentado pela CBF para reconhecer o torneio de 1951 entre os clubes da Europa e da América do Sul como a primeira competição de clubes de dimensão mundial, e o Palmeiras como seu vencedor”, escreveu a entidade, valorizando a conquista do Verdão, mas não reconhecendo como Mundial.
“A Fifa reconhece e valoriza as iniciativas de estabelecer competições de clubes de dimensões mundiais ao longo da história. Esse foi o caso de torneios envolvendo clubes europeus e sul-americanos, como a pioneira Copa Rio, jogada em 1951 e 1952, e a Copa Intercontinental”, completou a entidade, antes de vir com a frase decisiva, reconhecendo só os torneios organizados por ela.
[apuracao id=”56183057″]
“Entretanto, não foi até 2000 que a Fifa organizou o estreante Mundial de Clubes da Fifa, com representantes de todas as seis confederações. Os vencedores dessa competição, que passou a ser organizada anualmente a partir de 2005, são aqueles considerados oficialmente pela Fifa como campeões mundiais de clubes”, completou a entidade, dando fim à polêmica.
Com isso, segundo a Fifa, os campeões mundiais são os seguintes:
Barcelona – 3 (2009, 2011 e 2015)
Real Madrid – 2 (2014 e 2016)
Corinthians – 2 (2000 e 2012)
Bayern de Munique-ALE – 1 (2013)
Internazionale-ITA – 1 (2010)
Manchester United-ING – 1 (2008)
Milan-ITA – 1 (2007)
Internacional – 1 (2006)
São Paulo – 1 (2005)
Publicidade