Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump vence caucus de Nevada, apontam projeções

O magnata e pré-candidato à Presidência dos Estados Unidos Donald Trump venceu nesta quarta-feira o caucus (assembleias populares) do Partido Republicano no Estado de Nevada, segundo as projeções dos principais meios de comunicação americanos. Com isso, Trump alcança seu terceiro triunfo consecutivo nas quatro prévias eleitorais do Partido Republicano para a candidatura presidencial realizadas até o momento, após se impor nas primárias de New Hampshire (9 de fevereiro) e Carolina do Sul (20 de fevereiro). A única derrota do bilionário, por enquanto, aconteceu no caucus de Iowa, onde ficou em segundo lugar, atrás de Cruz.

As projeções, emitidas por veículos como CNN, Fox News e NBC News, foram divulgadas horas depois do término do caucus, às 21h locais (2h de Brasília da quarta-feira). Segundo a apuração oficial de 16% dos votos, Trump tem 42,9%, seguido pelos senadores de origem cubana Marco Rubio (25,2%) e Ted Cruz (20,4%). Já os outros dois pré-candidatos, o neurocirurgião aposentado Ben Carson e o governador de Ohio, John Kasich, ficam bem atrás com 7,2% e 4%, respectivamente.

Leia também

‘Os Simpsons’ satirizam corrida eleitoral americana

Trump diz que Cruz é ‘doente’ e que gostaria de socar um manifestante

Republicanos brigam pelo voto anti-Trump antes da ‘superterça’

Os dados de participação total serão divulgados mais tarde, no entanto, o Partido Republicano confirmou que 37.000 pessoas se tinham registrado até o meio da tarde, um número superior ao de 2012, quando 33.000 pessoas votaram. No entanto, esses são números pequenos se forem comparados com os 182.000 eleitores no caucus republicano do início de mês em Iowa, um Estado com população similar a Nevada.

Estão em jogo em Nevada 30 delegados, que serão distribuídos proporcionalmente com base nos resultados dos candidatos, para a Convenção Republicana de julho, que acontecerá em Cleveland (Ohio) e de onde sairá o indicado do partido para concorrer à Presidência dos Estados Unidos nas eleições de novembro. Para ficar com a indicação republicana, um candidato terá que conseguir pelo menos 1.237 delegados em todo o país.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League