Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump e Hillary têm novas vitórias e pressionam rivais

Empresário venceu em todos os cinco Estados que realizavam primárias nesta terça-feira, enquanto a democrata levou a melhor sobre Bernie Sanders em quatro das prévias

Donald Trump venceu as prévias republicanas em todos os cinco Estados que realizavam primárias nesta terça-feira – Pensilvânia, Connecticut, Maryland, Delaware e Rhode Island – e ficou mais perto da indicação do partido para ser o candidato nas eleições presidenciais de novembro. Do lado democrata, a favorita Hillary Clinton também teve um ótimo desempenho e venceu em quatro Estados – só foi derrotada pelo rival Bernie Sanders em Rhode Island.

As vitórias de Trump, principalmente o triunfo na Pensilvânia, Estado com maior número de delegados que estavam sendo disputados nesta terça, dão ao magnata um impulso importante no momento em que seus adversários, Ted Cruz e John Kasich, se unem para tentar impedir sua ascensão ao posto de candidato republicano.

O acordo entre os dois mantém Kasich na disputa pelo estado de Indiana, em 3 de maio, enquanto Cruz não competirá no Oregon em 17 de maio e no Novo México em 7 de junho. Trump disse que a colaboração entre Cruz, senador pelo Texas, e Kasich, governador de Ohio, é um movimento desesperado de “rivais matematicamente mortos”.

O magnata busca conquistar a maioria absoluta dos delegados, 1.237 – e assim evitar que sua indicação possa ser contestada na convenção do partido em julho, como desejam muitas lideranças republicanas incomodadas com o estilo do milionário.

Democratas – No lado democrata, as vitórias ampliam a vantagem de Hillary e aumentam a pressão para que o senador Bernie Sanders abandone a disputa interna. A decisão liberaria Hillary para se dedicar à segunda e decisiva fase da corrida pela Casa Branca.

Sanders, no entanto, não dá sinais de desistência. O democrata disse nesta terça que vai continuar a sua pré-campanha e que é o candidato mais forte para a eleição de novembro. “Os independentes vão votar em todo o país nas próximas eleições”, apostou. Sanders já sinalizou que sua campanha continua pelo menos até as primárias da Califórnia, previstas para 7 de junho.

(Com Estadão Conteúdo e AFP)

Member of The Internet Defense League