Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Surpresa macabra: jovens alugam casa para dar festa e encontram cadáver no jardim

A propriedade, de sete quartos e com piscina, foi alugada pelo site de reservas Airbnb na França

Um grupo de jovens alugou uma casa em um subúrbio de Paris por meio do site Airbnb no último final de semana para organizar uma festa no sábado, mas uma surpresa macabra pôs fim aos planos dos hóspedes: ao chegar no imóvel, eles encontraram o corpo de uma mulher em decomposição no jardim da propriedade. O caso aconteceu em Palaiseau, localizada a 18 quilômetros a sudoeste da capital francesa.

“O corpo foi encontrado na parte inferior da propriedade, que dá acesso a um bosque”, uma fonte da polícia relatou à agência France-Presse, acrescentando que o cadáver estava “em uma área cavada, com o rosto contra o chão, coberto de folhas e cercado por troncos de madeira”.

Uma autópsia realizada na segunda-feira indicou que a mulher, branca, aproximadamente 40 anos, estava morta havia pelo menos um mês, mas não conseguiu determinar a causa de sua morte. Novos exames forenses ainda devem ser realizados nessa semana, mas os investigadores acreditam que se trata de um assassinato.

Leia também:

Navegador alemão é encontrado morto em iate à deriva nas Filipinas

Mulher é presa com a cabeça de uma criança decapitada em Moscou

Os jovens que alugaram a casa, todos de aproximadamente 20 anos, foram interrogados pela polícia no domingo. Os donos da propriedade – uma família de sete pessoas, que está sempre viajando, de acordo com o procurador responsável pelo caso, Bertrand Daillie – prestarão depoimento na quarta-feira.

A reserva da casa foi feita pelo Airbnb, um site popular de reservas de propriedades privadas por todo o mundo. Um porta-voz da empresa afirmou ao jornal The Washington Post que a empresa pretende auxiliar a investigação de todas as formas possíveis. A casa, datada do século XIX, foi alugada por 435 dólares por noite e oferece muitas comodidades, incluindo sete quartos e uma piscina. O perfil da propriedade foi removido do site.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League