Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Palestino mata turista americano em ataque a faca em Tel Aviv

Outras doze pessoas ficaram feridas em três ataques nesta terça-feira em Israel

Um turista americano de 29 anos foi morto esfaqueado e pelo menos nove pessoas foram feridas por um palestino armado com uma faca em um popular calçadão de Tel Aviv nesta terça-feira, enquanto o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, estava numa reunião a poucos quilômetros do local.

O ataque ocorreu na região portuária de Jaffa, um lugar muito frequentado por turistas. Profissionais do Magen David Adom (MDA), o serviço de emergência médica de Israel, disseram que quatro pessoas tinham ferimentos graves.

O americano morto foi identificado como Taylor Force, estudante da Universidade Vanderbilt, em Nashville, no estado de Tennessee. Ele estava em Israel para estudar empreendedorismo e empresas start-up israelenses. Em seu perfil na rede social LinkedIn consta a informação de que Force serviu o Exército americano entre 2009 e 2014, e atuou no Iraque e no Afeganistão.

Segundo autoridades israelenses, o agressor, identificado como um palestino de 22 anos vindo de Qalqilyah, na Cisjordânia, foi morto a tiros pela polícia.

Leia também:

Netanyahu e Obama protagonizam outra “DR” diplomática

Netanyahu: Israel terá cerca nas fronteiras para se proteger de “feras selvagens”

O vice-presidente americano chegou a Israel nesta terça para uma visita de dois dias. No momento do ataque, ele se reunia com o presidente israelense Shimon Peres.

Nesta terça, houve outros dois ataques por palestinos em um intervalo de uma hora e meia – em Petah Tikva e Jerusalém Oriental – que deixaram, pelo menos, três feridos. Desde outubro, ataques palestinos a faca, a tiros e por atropelamento mataram 28 israelenses e dois americanos. As forças de Israel mataram pelo menos 177 palestinos, segundo a agência de notícias Reuters, entre agressores e manifestantes.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League