Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Oposição da Venezuela diz ter o triplo das assinaturas necessárias para referendo

Opositores coletaram mais de 600.000 assinaturas em apenas um dia

A oposição venezuelana recolheu cerca de 600.000 assinaturas para aprovação de um referendo revogatório contra o presidente Nicolás Maduro, o triplo da quantidade requerida pelo CNE, a autoridade eleitoral do país, informou o vice-presidente do Parlamento, Enrique Márquez.

“São cifras extraordinárias. Falam de mais de 600.000 assinaturas apenas na quarta-feira, é um número muito alto, levando em conta que o CNE pede um pouco menos de 200.000”, afirmou Márquez.

Leia também:

Venezuela: serviço público terá semana de apenas dois dias úteis

Venezuela ficará 4 horas por dia sem luz

O recolhimento das assinaturas começou na quarta-feira, um dia depois que o Conselho Eleitoral da Venezuela autorizou a oposição a coletar assinaturas em um prazo de 30 dias para tentar realizar um referendo revogatório do mandato do presidente de Maduro

Crise de alimentos – Nesta quinta-feira, a maioria opositora no Parlamento venezuelano destituiu o ministro da Alimentação, Rodolfo Marco Torres, ao votar uma moção de censura que o responsabiliza pela grave crise de escassez de alimentos. “A moção foi votada por mais de três quintos dos deputados presentes”, informou o presidente da Assembleia, Henry Ramos Allup, que ordenou que o presidente Nicolás Maduro seja notificado para que “proceda à remoção” do ministro destituído.

(Com AFP)

Member of The Internet Defense League