Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Elizabeth II entra no debate do Brexit e pede respeito a diferentes visões

Declaracões da rainha britânica, obrigada à neutralidade, indicam apoio ao acordo fechado por Theresa May com a União Europeia

O impasse entre a primeira-ministra britânica, Theresa May, e o Parlamento em torno do acordo sobre o Brexit gerou reação da rainha Elizabeth II, que recomendou “respeito aos diferentes pontos de vista” para se chegar a um “terreno comum” sobre a saída do Reino Unido da União Europeia.

“Ao buscar novas respostas na era moderna, eu pessoalmente prefiro receitas experimentadas e testadas, como falar bem dos outros e respeitar diferentes pontos de vista, unindo-me para encontrar um terreno comum e nunca perder de vista o objetivo geral”, afirmou, em discurso no Instituto da Mulher, em Sandringham, do qual é presidente. “Para mim, essas abordagens são atemporais, e eu as recomendo a todos.”

Seu discurso foi divulgado nesta sexta-feira, 25, pelo Palácio de Buckinghan. A soberana recomendou “nunca perder de vista” o objetivo geral e essaltou que cada geração “enfrenta novos desafios e oportunidades”. Seu discurso foi interpretado como um aval ao acordo fechado por May com a União Europeia, que foi rejeitado pela maioria da Câmara dos Comuns no dia 15.

Como chefe de Estado de uma monarquia parlamentar, a rainha Elizabeth deve permanecer politicamente neutra e não expressar opiniões pessoais. Mas não é incomum que ela envie mensagens indiretas quando o país enfrenta desafios importantes.

O impasse coloca em risco uma saída minimamente organizada do Reino Unido da União Europeia, que vai se efetivar em 29 de março. Sem um acordo com Bruxelas, serão levantadas imediamente as barreiras europeias e britânicas ao comércio de bens e serviços e à livre circulação de pessoas de lado a lado. O risco maior será de reintrodução de uma fronteira dura entre a Irlanda, membro do bloco europeu, e a britânica Irlanda do Norte, que pode resultar em nova escalada de violência. O acordo proposto por May trata particularmente dessa questão, propondo uma flexibilização temporária.

(Com EFE)

Member of The Internet Defense League