Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ataque de drone dos EUA mata 150 terroristas do Al Shabab na Somália

As forças armadas dos Estados Unidos mataram 150 integrantes do grupo terrorista Al Shabab na Somália com um ataque de um drone, informou nesta segunda-feira o porta-voz do Pentágono, Jeff Davis. O ataque aéreo foi realizado no sábado contra um acampamento da organização terrorista, filiada à rede Al Qaeda, a 195 quilômetros ao norte de Mogadíscio, capital do país.

Leia também:

Atentado contra hotel na capital da Somália deixa 12 mortos

Terroristas atacam hotel na Somália e deixam 7 mortos

De acordo com o Pentágono, o grupo terrorista estava planejando um ataque de grandes proporções. “Os combatentes treinavam lá e se preparavam para um ataque em grande escala. Sabemos que iam partir do campo e representavam uma ameaça iminente para as forças americanas e da União Africana”, afirmou Davis. O porta-voz não deu detalhes sobre o tipo de atentado que os terroristas estavam planejando.

“A eliminação dos terroristas reduzirá a capacidade do grupo em conseguir seus objetivos na Somália, tais como recrutar novos membros, estabelecer novas bases e programar ataques contra forças americanas e da Amison (Missão da União Africana na Somália)”, disse Jeff Davis. O Al Shabaab, ligado à Al Qaeda, foi expulso de Mogadíscio por Forças da União Africana em 2011, mas manteve-se como uma perigosa ameaça na Somália, lançando ataques frequentes na sua tentativa de derrubar o governo apoiado pelo Ocidente.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League