Clique e assine com 88% de desconto

Acidente com ônibus e caminhão tanque deixa 73 mortos no Afeganistão

Maioria das vítimas são crianças e mulheres que ficaram carbonizadas no incêndio desencadeado pela colisão entre os veículos

Por Da Redação - 8 maio 2016, 13h40

Uma colisão de dois ônibus com um caminhão tanque causou a morte de pelo menos 73 pessoas neste domingo em uma estrada do sul do Afeganistão que liga Cabul a Kandahar, segundo informações do ministério da Saúde do país. A maioria das vítimas, entre elas crianças e mulheres, ficaram carbonizadas no incêndio desencadeado após a batida.

“Os últimos dados mostram que 73 pessoas morreram e o número de feridos está aumentado, mas ainda não está claro”, disse o porta-voz do Ministério da Saúde, Ismail Kawusi.

O local do acidente é uma região de conflitos. Por isso, os motoristas costumam dirigir bem acima dos limites de velocidade. “Nosso motorista cometeu um erro, dirigia muito rápido”, disse Esmatullah, um dos poucos passageiros que sobreviveu ao acidente, com ferimentos leves. “A maioria dos motoristas de ônibus fuma haxixe, ópio e outras drogas na estrada. Estão totalmente fora de controle”, completou.

As estradas do Afeganistão são conhecidas por serem perigos, e acidentes fatais são habituais. Em maio, um micro-ônibus capotou em uma estrada da província de Badghis (noroeste) provocando a morte de 18 pessoas. Em abril de 2013, 45 pessoas morreram na colisão de um ônibus com um caminhão-tanque no sul da província de Kandahar.

Continua após a publicidade

(Com AFP e EFE)

Publicidade