Clique e assine com 88% de desconto

Utah Jazz massacra Lakers e impõe a Kobe a pior derrota de sua carreira

O armador de 37 anos, ídolo dos Lakers, anotou cinco pontos e duas assistências na derrota de 48 pontos de diferença, a pior da história da equipe da Califórnia

Por Da Redação - 29 mar 2016, 12h28

Com aposentadoria anunciada para o final da temporada, o astro do basquete mundial, Kobe Bryant, teve a pior derrota de sua carreira na noite desta segunda-feira ao ver o Utah Jazz massacrar, em Salt Lake City, o Los Angeles Lakers por 123 a 75. A diferença de 48 pontos no placar é o pior resultado da história dos Lakers na NBA, igualando o revés de 7 de março de 2014, quando a equipe californiana caiu diante do rival Los Angeles Clippers por 142 a 94 – Kobe não participou desta partida devido a uma lesão. O time de Utah está em sétimo lugar na conferência Oeste, com 37 vitórias em 74 jogos, um a mais do que o oitavo colocado Houston Rockets, enquanto o Los Angeles Lakers segue na lanterna, com 15 vitórias e 59 derrotas.

Leia também:

Kobe é o mais votado para o All-Star Game em sua despedida da NBA

Ele não vem: Kobe Bryant descarta disputar a Rio-2016

Continua após a publicidade

LeBron lamenta aposentadoria de Kobe Bryant: ‘Queria ser como ele’

O armador do time da casa Rodney Hood foi o destaque da partida: anotou 30 pontos e ajudou a equipe a ter o seu melhor rendimento ofensivo na temporada. Em má fase, Kobe teve mais uma atuação discreta, com apenas cinco pontos e duas assistências. Os brasileiros de ambos os lados também não tiveram bom desempenho. Marcelinho Huertas, dos Lakers, somou seis pontos, um rebote e duas assistências e Raulzinho, do Utah Jazz, contabilizou apenas dois pontos, um rebote e duas assistências.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade