Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

US Open: Serena Williams é eliminada e final será italiana

Americana buscava quarto título de Grand Slam na temporada, mas caiu diante de Roberta Vinci, 43ª do mundo, que fará final com Flávia Pennetta

A americana Serena Williams, de 33 anos, estava a dois passos de se tornar a quarta mulher da história a conquistar os quatro torneios de Grand Slam em uma mesma temporada, mas foi surpreendida pela italiana Roberta Vinci, 32 anos, 43ª colocada do ranking da WTA, na semifinal do US Open nesta sexta-feira. Atual tricampeã, Serena começou a partida de forma arrasadora, mas se descontrolou emocionalmente nos momentos decisivos e foi derrotada por 2 sets a 1, 2/6, 6/4 e 6/4, em duas horas de partida. Pela primeira vez na história, o Grand Slam de Nova York terá uma final entre italianas: a adversária de Vinci será Flávia Pennetta, de 33 anos, que eliminou a romena Simona Halep também nesta sexta.

Leia também:

US Open: Serena vence irmã Venus e fica perto de marca histórica

Musa canadense desiste do US Open após pancada na cabeça

Tenista americano passa mal e sai carregado no US Open

O jogo parecia controlado para Serena, a líder do ranking mundial. Ela terminou a partida com 16 aces contra apenas um de Vinci – seu saque mais rápido chegou a 202 km/h, contra 161km/h da italiana. A americana ainda distribuiu 50 winners contra 19 da oponente. No entanto, Serena falhou nos momentos decisivos e demonstrou nervosismo. Foram 40 erros não forçados contra 20 da italiana de 32 anos. Com a eliminação, Serena Serena perdeu a oportunidade de igualar o feito da americana Maureen Connoly (1953), da australiana Margaret Court (1970) e a da alemã Steffi Graf (1988), as únicas a vencer o Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e US Open em um mesmo ano.

Serena Williams na partida contra Roberta Vinci

 (/)

Ao final da partida, Vinci se emocionou e chegou a pedir desculpas à torcida americana por eliminar a melhor tenista do mundo. “É incrível, como um sonho. Eu estou na final, venci Serena. Tem tanta coisa passando na minha cabeça. É o melhor momento da minha vida. Tentei me manter focada, não pensar que do outro lado estava a Serena, uma jogadora incrível. Meu único pensamento era: ‘passe a bola para o outro lado e corra, não pense, corra’. Foi assim que eu ganhei”, disse Vinci, divertindo o público, em entrevista logo após o feito. Ela admitiu que não acreditava na vitória antes da partida. “Sinto pelos americanos, por Serena, pelo Grand Slam…mas hoje é meu dia, desculpe, pessoal”, brincou.

Na outra semifinal, Flavia Pennetta, 26ª do ranking da WTA, surpreendeu ao derrotar Halep, segunda cabeça de chave, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/3, com uma grande atuação em apenas 59 minutos. Assim como a compatriota Vinci, a atleta chegou à sua primeira final de Grand Slam. A decisão feminina do US Open acontece neste sábado, às 16h (de Brasília).

(da redação)

Member of The Internet Defense League