Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trabalhando no Flamengo, ‘Kibe Loco’ contém tentação de provocar rivais

Antonio Tabet disse que é preciso ter 'responsabilidade e critério' ao gerir as redes sociais de um clube e relevou piada do Corinthians sobre Guerrero: 'Se o Flamengo tivesse ganhado, as piadas seriam bem melhores'

O publicitário Antonio Tabet, criador do site de humor Kibe Loco e um dos fundadores do canal Porta dos Fundos, foi contratado pelo Flamengo para turbinar as redes sociais do clube de maior torcida do país. Desde agosto, quando Tabet assumiu o cargo de vice-presidente de comunicação, o número de postagens oficiais do clube aumentou consideravelmente, com direito a algumas provocações aos rivais – bem sutis para os padrões do famoso humorista.

Tabet, que nunca escondeu sua paixão pelo rubro-negro, admitiu que precisa controlar sua vocação natural e economizar nas alfinetadas nos rivais – mesmo com o Vasco estando na última posição do Brasileirão. “A tentação de brincar com o rival existe como torcedor, mas lá eu não sou torcedor, sou diretor e é preciso ter responsabilidade e critério”, disse, em tom sério. Ele, no entanto, garante que jamais foi censurado pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello.

“O presidente sempre foi muito tranquilo quanto a isso, nunca recebi nenhum tipo de limitação. Na verdade, eu é que me imponho certos limites. A ideia é que nossa equipe tenha esse discernimento do que é certo e o que é errado e que, quando haja uma brincadeira, não apele para algo vexatório para o outro clube.”

Leia também:

Corinthians provoca Guerrero nas redes sociais: ‘Acabou o caô’

Cristiano Ronaldo turbina perfil e ultrapassa Neymar como o rei do Instagram

Time de Kaká enfrentará o Flamengo no Maracanã – sem Kaká

De passagem por São Paulo, Tabet comentou sobre a última troca de farpas entre clubes nas redes sociais, da qual o Flamengo foi vítima. Após a vitória sobre a equipe carioca, o Corinthians usou seus canais oficiais para provocar seu ex-atacante Paolo Guerrero, utilizando, inclusive, uma música cantada pela torcida rubro-negra no Maracanã. Tabet, porém, manteve o espírito esportivo. “Confesso que não vi todo o vídeo do Corinthians. O que eu posso dizer é que se o Flamengo tivesse ganhado, as piadas seriam bem melhores.”

Para comprovar que não mistura trabalho com paixão, Tabet evitou afirmar que irá secar o rival Fluminense na semifinal da Copa do Brasil desta noite, diante do Palmeiras. Ele, porém, citou um bom argumento para, nas entrelinhas, dizer que prefere que o Fluminense não seja campeão “Não sei quem vai passar. Mas eu, como diretor do Flamengo, que ainda é um postulante ao G4 do Brasileirão, gostaria que o campeão da Copa do Brasil fosse um time da parte de cima da tabela, para que abrisse uma quinta vaga.”

Caso o campeão da Copa do Brasil esteja entre os quatro primeiros do Brasileirão, o quinto colocado também se classificaria para a Libertadores do ano que vem. Dos times do G4 no momento, apenas o Santos, quarto colocado, segue vivo na Copa do Brasil – o São Paulo é o 5º, o Palmeiras é o 8º e o Fluminense é o 13º.

O time das Laranjeiras, inclusive, foi vítima de uma das brincadeiras que provam o quanto o humor de Tabet perdeu acidez nas redes sociais do Flamengo. No dia do aniversário do ex-atacante Renato Gaúcho, em setembro, o time ironizou a conquista do título carioca de 1995 -, vencido pelo Fluminense sobre o Flamengo com um gol de barriga de Renato – e soltou junto uma alfinetada contra o Sport, com quem briga pela “paternidade” do título brasileiro de 1987.

“Título de verdade não se empurra com a barriga. Parabéns, Renato Gaúcho pelo aniversário e pelo título brasileiro de 1987”, escreveu, com uma foto de Renato com a camisa do Flamengo. No Porta dos Fundos e no Kibe Loco, Tabet se acostumou a provocar os rivais de forma bem mais direta e ofensiva. O canal de humor, inclusive, está sendo processado pelo Botafogo por um vídeo em que o excesso de patrocinadores do time foi ironizado.

Antonio Tabet é infinitamente mais ácido em suas provocações aos rivais no Kibe Loco e no Porta dos Fundos

 (/)

Member of The Internet Defense League