Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Secretária de Justiça dos EUA vai a Zurique falar sobre caso Fifa

Loretta Lynch concederá entrevista no dia 14 para detalhar o andamento das investigações sobre corrupção no futebol

A secretária de Justiça dos Estados Unidos, Loretta Lynch, anunciou que estará em Zurique no dia 14 para informar como estão as investigações do caso de corrupção na Fifa. De acordo com o Departamento de Justiça americano, a entrevista de Lynch servirá para explicar o “status dos dois procedimentos criminais”, iniciados pelas autoridades americanas e pela Justiça da Suíça no fim de maio, após indiciamento de dirigentes e empresários ligados à Fifa. O evento também contará com a presença do secretário suíço Michael Lauber e será no hotel Baur au Lac, onde a polícia suíça deteve os cartolas.

Leia também:

‘Não há corrupção no futebol’, afirma Joseph Blatter

CPI do Futebol aprova quebra do sigilo bancário de Del Nero

Caso Fifa: EUA podem confiscar imóvel de Marin em NY

Suíça oferece trabalho na prisão a José Maria Marin

Lynch visitará a Suíça para um congresso anual de procuradores-gerais, cargo que também ocupa por ser secretária de Justiça. E vai aproveitar a viagem para explicar como vão as investigações que indiciaram sete cartolas da Fifa no dia 27 de maio – entre eles o ex-presidente da CBF José Maria Marin, detido em Zurique e com chance de ser extraditado para os EUA.

As autoridades americanas não informaram se vão revelar detalhes da investigação, que trata alguns investigados sem identificação nos documentos oficiais apenas por códigos porque a Justiça ainda busca evidências para indiciá-los. As acusações são de suborno, lavagem de dinheiro e fraude envolvendo mais de 150 milhões de dólares em propinas na organização de torneios. A investigação suíça está concentrada na concessão das Copas do Mundo de 2018 à Rússia e de 2022 ao Catar.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League