Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Paulo perde do Toluca, mas avança na Libertadores

Com grande vantagem no duelo após goleada no Morumbi, equipe brasileira se garante nas quartas de final da competição mesmo com a derrota por 3 a 1 no México

O São Paulo poupou forças e se apoiou na larga vantagem construída no jogo de ida para sofrer uma derrota indolor no México, nesta quarta-feira, pela Copa Libertadores. O Toluca ganhou em casa por 3 a 1, placar insuficiente para tirar do time brasileira a vaga que já estava bem encaminhada para as quartas de final do torneio.

A goleada por 4 a 0 na semana passada, no Morumbi, fez o jogo no México ser um mero rito protocolar. O São Paulo administrou a situação favorável, evitou atacar e até se permitiu levar pressão do Toluca. A certeza da vaga só veio quando o time fez o gol fora de casa, com Michel Bastos, o que forçava os adversários a ganharem por cinco gols de diferença.

A classificação leva a equipe a fazer campanha melhor do que as duas últimas participações na Libertadores. Tanto em 2013 como em 2015, o clube caiu nas oitavas de final da competição.

O jogo – No México, o São Paulo fez um jogo abaixo do que tem apresentado nas últimas partidas da Libertadores. Um primeiro tempo ruim e um segundo tempo mediano foram suficientes para avançar.

O técnico Edgardo Bauza repetiu a estratégia do jogo com o The Strongest, na fase de grupos, ao tirar o meia Ganso da formação titular e colocar o volante Wesley, com o intuito de reforçar a marcação no meio-campo. O esquema deu certo em La Paz, mas teve desempenho fraco no México.

Aos 17 minutos, enquanto a defesa do São Paulo estava distraída e conversava para organizar a marcação em uma falta, os mexicanos cobraram rapidamente e Uribe completou de cabeça, em posição duvidosa. O vacilo no gol não serviu de lição para melhorar. O meio-campo do São Paulo avançava ao ataque de forma espalhada, o que facilitava o desarme dos zagueiros e deixava a defesa desarrumada para anular o contragolpe dos mexicanos.

A equipe mexicana teve outras chances claras no primeiro tempo, reclamou de um pênalti e tentou manter o ritmo na segunda etapa, até o São Paulo empatar. Uma falha da defesa do Toluca permitiu Michel Bastos avançar com a bola e chutar cruzado, aos 5 minutos.

O empate preveniu o time paulista de sofrer qualquer risco de sufoco. A equipe mexicana se jogou ainda mais ao ataque e voltou a marcar com Trivério, aos 17. Com o Toluca nervoso em busca do resultado, o jogo começou a ficar violento.

O medo de perder atletas por suspensão fez Bauza tirar no segundo tempo Calleri e Kelvin. Os dois receberam cartões amarelos e trocaram empurrões com jogadores do time mexicano. Nos acréscimos Centurión ainda foi expulso por cuspir em um adversário.

O Toluca chegou a fazer o terceiro nos minutos finais e não pareceu ter se desanimado com a virada impossível. A equipe mostrou a força que faltou no massacre sofrido no Morumbi.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League