Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rodada derruba técnicos Enderson Moreira e René Simões

Técnico do Fluminense caiu após goleada do Palmeiras no Maracanã. Brasileirão teve 21 trocas de treinador em 26 rodadas

As derrotas na 26ª rodada do Brasileirão derrubaram mais dois treinadores: Enderson Moreira, do Fluminense, e René Simões, do Figueirense, foram demitidos na noite desta quarta-feira. Logo após a derrota do Fluminense por 4 a 1 para o Palmeiras, no Maracanã, o presidente Peter Siemsen avisou o treinador sobre a dispensa. “Foi uma decisão nossa, não do Enderson. Queremos um treinador que explore o potencial do grupo, que tem futebol. Já estamos procurando um técnico”, afirmou Siemsen, que agradeceu à dedicação de Enderson e lhe desejou boa sorte.

Brasileirão: Corinthians e Atlético-MG pedem reação rápida após tropeços

Com isso, o Fluminense terá seu quarto treinador no ano: já demitiu Cristóvão Borges, em março, e Ricardo Drubscky, em maio. Enderson começou bem o trabalho, mas acumulou dez derrotas nos últimos 13 jogos. Em seus últimos dias no Fluminense, se indispôs como o veterano Ronaldinho Gaúcho, que ficou no banco de reservas diante do Palmeiras. Esta é sua quarta demissão em 15 meses, período em que passou por Grêmio, Santos e Atlético-PR.

René Simões também perdeu o emprego logo depois de o Figueirense ser derrotado pelo rival Avaí por 1 a 0, em clássico no Orlando Scarpelli. O time caiu para a zona de rebaixamento, na 17ª posição, e a diretoria resolveu agir. René Simões estava há apenas um mês no cargo e acumulou três vitórias, um empate e quatro derrotas. O substituto de Argel Fucks, que se transferiu para o Inter, conseguiu levar o time às quartas de final da Copa do Brasil ao surpreender o Atlético-MG nas oitavas. Em 26 rodadas, houve 21 trocas de técnico no Brasileirão.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League