Clique e assine com 88% de desconto

Promessa do MMA brasileiro, Thomas Almeida vence por nocaute em SP

Lutador paulista de 24 anos venceu o americano Anthony Birchak

Por Luiz Felipe Castro e Leonardo Pinto - 8 nov 2015, 03h34

Uma das lutas mais emocionantes do UFC Fight Night em São Paulo foi protagonizada pela nova promessa do MMA brasileiro, o paulistano Thomas Almeida, de 24 anos. Em um duelo agitado na madrugada deste domingo, “Thominhas” foi ovacionado pela torcida no Ginásio do Ibirapuera ao vencer por nocaute no primeiro round o americano Anthony Birchak. Com a vitória, Thomas manteve sua invencibilidade na carreira, com 20 vitórias no MMA, sendo a quarta no UFC.

“É uma alegria imensa poder lutar na minha cidade. Estou aqui para ser um dos melhores e que assim seja”, vibrou o brasileiro. Ao final da luta, o chefe do UFC, Dana White, tuitou uma expressão de surpresa e admiração por Thominhas, que é oitavo colocado do ranking do UFC na categoria peso-galo.

Thomas foi implacável na trocação contra o americano. Além de fugir muito bem das tentativas frustadas do americano de levar a luta ao chão, Thomas acertou uma ótima sequência de golpes alternados no meio do round, quando um jab de direita entrou, derrubando Birchak no chão do octónogo. Nas suas quatro lutas da categoria máxima do MMA, Almeida venceu o americano Tim Gorman por decisão unânime e nas outras duas nocauteou o canadense Yves Jaboin e o britânico Brad Pickett.

Nas lutas principais da noite, os brasileiros Vitor Belfort e Glover Teixeira também conseguiram belos nocautes contra americanos. Belfort venceu o tira-teima contra o americano Dan Henderson e Glover Teixeira derrubou o americano Patrick Cummins com uma sequência incrível de golpes.

Continua após a publicidade

Todas as lutas do UFC Fight Night em São Paulo:

Card Principal:

Peso-médio: o brasileiro Vitor Belfort venceu o americano Dan Henderson por nocaute no primeiro round

Peso-meio-pesado: o brasileiro Glover Teixeira venceu por nocaute no segundo round o americano Patrick Cummins

Continua após a publicidade

Peso-galo: o brasileiro Thomas Almeida venceu por nocaute no primeiro round o americano Anthony Birchak

Peso-leve: o brasileiro Alex Cowboy venceu por nocaute no terceiro round o polonês Piotr Hallmann

Peso-leve: O russo Rashid Magomedov venceu por decisão unânime do júri o brasileiro Gilbert Durinho

Peso-meio-pesado: O americano Corey Anderson venceu por decisão unânime do júri o brasileiro Fábio Maldonado

Continua após a publicidade

Card Preliminar:

Peso-leve: o brasileiro Gleison Tibau venceu Abel Trujillo por finalização aos 45 segundos do primeiro round

Peso-leve: O americano Johnny Case venceu o brasileiro Yan Cabral por decisão unânime

Peso-pena: O brasileiro Thiago Tavares aplicou uma guilhotina no americano Clay Guida, vencendo por finalização com apenas 39 segundos de luta

Continua após a publicidade

Peso-pena: o americano Chas Kelly finalizou o brasileiro Kevin Souza no segundo round

Peso-meio-médio: o brasileiro Viscardi Andrade venceu por decisão unânime do júri o russo Gasan Umalatov

Peso-galo: o americano Jimmie Rivera venceu por decisão dividida do júri o brasileiro Pedro Munhoz

Peso-galo: no único duelo entre brasileiros, Matheus Nicolau venceu Bruno Korea por finalização no 3º round

Publicidade