Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Príncipe da Jordânia formaliza candidatura à presidência da Fifa

Al Hussein tem como principal concorrente o presidente da Uefa Michel Platini, que está suspenso do cargo por 90 dias, junto com Joseph Blatter, devido a uma transação suspeita que está sendo investigada pelas autoridades suíças

O príncipe jordaniano Ali Bin Al Hussein formalizou nesta quinta-feira sua candidatura à presidência da Fifa. Na quarta-feira, ele chegou a criticar um suposto adiamento das eleições, marcadas para 26 de fevereiro. Segundo Al Hussein, estipular uma nova data seria mais um atestado da instabilidade pela qual o órgão máximo do futebol mundial passa.

Comprometendo-se a restaurar a imagem da Fifa, abalada pelos recentes escândalos de corrupção, Al Hussein afirmou que o momento de crise originou boas ideias de reforma: “Estou confiante de que a Fifa pode superar este período de dificuldade com a reputação restaurada e se tornar uma organização vista com respeito mais uma vez. Este momento de crise é uma oportunidade para mudanças positivas. Muitas ideias boas surgiram na discussão sobre o futuro da Fifa”, admitiu o príncipe jordaniano.

Com o sul-coreano Mong-joon fora da disputa – banido por seis anos sob acusação de comprar votos para eleger sedes dos Mundiais de 2018 e 2022 – e Platini sendo alvo de investigação da Justiça suíça junto com o presidente Joseph Blatter, tendo que arcar com suspensão de 90 dias, Al Hussein ainda não tem seus adversários na eleição presidencial definidos. Os ex-jogadores Zico e Maradona ainda se movimentam nos bastidores para tentar oficializar a candidatura. O prazo limite para as inscrições se encerra no dia 26 de outubro.

Concorrência – Mesmo com a candidatura ameaçada, Platini recebeu apoio dos membros do Comitê Executivo da Uefa nesta quinta-feira em uma reunião em Nyon, na Suíça, segundo o jornal Mundo Deportivo, e ainda é o maior concorrente de Al Hussein para suceder Blatter. Porém, além de estar fora do cargo de presidente da Uefa até o começo de janeiro, o francês não pode fazer campanha eleitoral durante esse período, o que o deixa em desvantagem na concorrência à presidência da Fifa. Devido a isso, a Uefa é a principal articuladora para o adiamento das eleições na Fifa.

Leia também:

Fifa e Uefa não sabiam de pagamento a Platini, acusa ex-dirigente

Suspensões abalam eleição na Fifa e abrem espaço para Zico

Presidente da confederação africana comandará Fifa durante suspensão

Sul-coreano denuncia ‘sabotagem’ de Blatter e acordos corruptos de Havelange

(Com Gazeta Press)

Member of The Internet Defense League