Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pequim é eleita sede dos Jogos de Inverno de 2022

Capital chinesa se tornará a primeira cidade a receber as Olimpíadas de Verão e de Inverno

Pequim foi escolhida como sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2022 em votação dos membros do Comitê Olímpico Internacional (COI) nesta sexta-feira, em Kuala Lumpur, na Malásia. Com isso, a capital chinesa, que competia com Almaty, no Cazaquistão, se transformará na primeira cidade da história a receber as Olimpíadas de Verão e de Inverno, em um intervalo de apenas 14 anos dos Jogos de 2008.

Leia também:

Tóquio lança logos dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2020

Sochi-2014: o que deu certo e o que não funcionou direito

Sochi encerra Jogos comemorando sucesso dentro e fora das arenas

Participaram da votação 85 dos 101 membros do COI. Entre os que não votaram estava o presidente da entidade, Thomas Bach, três representantes chineses e o presidente da Fifa, Joseph Blatter. Liderada pela vice-primeira-ministra Liu Yandong e pelo ex-jogador de basquete da NBA Yao Ming, a delegação chinesa celebrou a vitória, após quase dois anos de corrida eleitoral.

Pequim partia como favorita, embora a votação – que teve que ser repetida, aparentemente por problemas técnicos – tenha sido muito apertada: 44 para a cidade chinesa e 40 para a cazaque. Os principais argumentos da candidatura eram o grande potencial financeiro da China, a experiência da cidade em grandes eventos esportivos e a possibilidade de aumentar a paixão por esportes de inverno entre centenas de milhões de seguidores chineses.

Pequim teve êxito com uma arriscada proposta, que contempla a realização de provas sobre gelo em Pequim (muitas delas nos mesmos estádios que acolheram os Jogos de Verão em 2008), as de esqui nórdico em Zhangjiakou, a 250 quilômetros, e as de esqui alpino em Yanqing, cidade próxima à Grande Muralha.

Frente à distância das instalações, Pequim argumentou que elas estarão unidas por trens de alta velocidade, com trajetos percorridos em menos de meia hora. A possível falta de neve, algo habitual no árido norte da China, será compensada com o uso de canhões artificiais. A última edição dos Jogos Olímpicos de Inverno foi realizada em Sochi, na Rússia, em 2014. Antes dos Jogos na China, haverá a edição de 2018, em Pyeongchang, na Coreia do Sul.

Delegação chinesa comemora a escolha de Pequim como sede dos Jogos de Inverno de 2022, em eleição em Kuala Lumpur

Delegação chinesa comemora a escolha de Pequim como sede dos Jogos de Inverno de 2022, em eleição em Kuala Lumpur (/)

(com agência EFE)

Member of The Internet Defense League