Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Na Romênia, treinador agride jogador de 16 anos com chutes na cabeça – e é demitido

Motivo da agressão do técnico Liviu Petrache teria sido uma escapada do garoto da concentração para comer no McDonald's

Uma impressionante cena de violência chocou a Romênia neste fim de semana. Liviu Petrache, treinador do time sub-17 do CSM Studentesc agrediu o jovem Codrin Tirisca, de 16 anos, com chutes na cabeça durante uma partida da liga nacional da categoria no sábado. A cena foi registrada e divulgada pelo jornal romeno Gazeta Sporturilor neste domingo. O motivo da agressão? Uma escapadinha da concentração para comer no McDonald’s.

Segundo a reportagem do jornal romeno, o jogador agredido teria organizado a fuga da concentração por volta da 1h de madrugada, logo depois que o treinador foi dormir. Os garotos estavam insatisfeitos com o jantar disponibilizado pelo time – polenta com queijo e manteiga e batatas fritas com frango – e resolveram recorrer à rede americana de fast food.

O técnico Petrache, então, foi avisado do ocorrido pela secretária da recepção e ficou idignado. Não satisfeito em deixar o garoto no banco de reservas, lhe aplicou chutes sem piedade na altura da cabeça no meio da partida. Imediatamente após a divulgação das imagens, Petrache foi demitido. “Esse tipo de comportamento é inaceitável ter tal comportamento. Esse homem não tem nada a buscar no esporte”, disse Florin Prunea, presidente do CSM Studentesc, que prometeu abrir uma investigação e processar o treinador.

(da redação)

Member of The Internet Defense League