Clique e assine com 88% de desconto

Lusa dispensa jogador que foi ao Morumbi torcer pelo São Paulo. Clube alega ‘questões financeiras’

Além de Renan Teixeira, capitão do time, a Portuguesa afastou outros três atletas flagrados usando uma toalha de mesa do Corinthians

Por Luiz Felipe Castro - 8 abr 2016, 13h35

A Portuguesa, tradicional equipe paulista que atualmente disputa a Série C do Brasileirão e já foi eliminada da Série A2 do Campeonato Paulista, anunciou nesta quinta-feira a dispensa de seu capitão, Renan Teixeira, e o afastamento de três outros atletas. Todos eles se envolveram em controvérsia nesta semana ao serem flagrados torcendo para outros clubes do Estado de São Paulo.

Na terça-feira, Renan Teixeira foi flagrado no Morumbi torcendo pelo São Paulo na goleada sobre o Trujillanos, pela Libertadores. O jogador de 31 anos foi formado nas categorias de base do São Paulo e, inclusive, conquistou o título da Libertadores e do Mundial de Clubes pela equipe tricolor, em 2005, no início de sua carreira profissional.

Leia também:

Ex-presidente da Lusa culpa ‘vinho forte’ por acusação contra o Fluminense

Continua após a publicidade

Sem dinheiro, Portuguesa aluga Canindé para igreja evangélica

Caso Héverton: clubes não deverão ser punidos, diz STJD

Horas depois da partida, vídeos e reportagens sobre a ida de Renan ao Morumbi se espalharam pelas redes sociais e agitaram os bastidores do Canindé. Muitos torcedores consideraram a atitude do jogador um desrespeito à história da Lusa, que chegou a rivalizar com os grandes da capital em seus tempos mais gloriosos.

Procurada, a Portuguesa alegou “questões financeiras” para a dispensa do jogador, informando que “o clube não tem como arcar com o salário do atleta para a disputa da Série C do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil”.

Continua após a publicidade

Além da saída de Renan, o clube anunciou o afastamento dos volantes Ferdinando e Matteus, e do meia-atacante Natan. O trio causou repercussão ao postar fotos tomando cerveja numa mesa com uma toalha do Corinthians. A Portuguesa informou que Ferdinando já foi reintegrado ao grupo, enquanto Matteus e Natan seguem afastados. A assessoria do clube não explicou os motivos do afastamento.

Eliminado na Série A2 do Paulista, o time volta a campo no dia 13 de abril para enfrentar o Parnahyba, do Piauí, em Teresina, pela primeira fase da Copa do Brasil. A última participação da Lusa na Série A do Brasileirão aconteceu em 2013, quando o time terminou rebaixado após punição do STJD, por causa da escalação irregular do meia Héverton em partida da última rodada. Desde então, a equipe iniciou a crise que o levou à segunda divisão paulista e à Série C do Brasileirão.

Publicidade