Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Libertadores: Boca vence no Paraguai e River se complica

Com grande atuação de Tevez, Boca bateu o Cerro Porteño por 2 a 1. No Equador, atual campeão River perdeu por 2 a 0 para o Independiente del Valle

Os dois principais clubes argentinos tiveram noites bem distintas nesta quinta-feira, na rodada de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. O hexacampeão Boca Juniors abriu ótima vantagem ao vencer o Cerro Porteño por 2 a 1, em Assunção, e agora joga por um empate na volta, na Bombonera. Já seu principal rival e atual campeão River Plate perdeu por 2 a 0 para o Independiente del Valle, no Equador, e terá que reverter o resultado na partida de volta no Monumental de Núñez.

O atacante Carlitos Tevez foi o grande destaque da vitória do Boca no Defensores Del Chaco, com um gol de cabeça e uma preciosa assistência para outro ex-jogador do Corinthians, o uruguaio Nicolás Lodeiro. O Cerro perdeu um pênalti quando a partida estava empatada – o goleiro Agustín Orion defendeu chute de Luis Leal -, mas descontou, nos minutos finais, em outra penalidade, convertida por Cecílio Domínguez com uma bonita cavadinha.

Leia também:

São Paulo goleia Toluca e encaminha classificação

Libertadores: Corinthians e Nacional ficam no 0 a 0

Grêmio joga mal e perde em casa para o Rosário

Atlético-MG empata com o Racing na Argentina

Caso confirme a classificação em Buenos Aires, o Boca Juniors enfrentará o vencedor do duelo entre Corinthians e Nacional, do Uruguai. Na semana passada, Tevez já havia falado sobre a expectativa de reencontrar a equipe brasileira pela qual conquistou o Brasileirão de 2005. “Passei um ano e meio de minha carreira lá, foi muito emocionante. Sempre tenho lindas recordações”, disse o atacante de 32 anos à ESPN.

O tricampeão River Plate, por sua vez, terá que suar muito para se garantir nas quartas de final. Nesta quinta, a equipe argentina jogou mal e foi surpreendida pelo equatoriano Independiente del Valle no estádio de Rumiñahui, em Sangolquí.

Os gols saíram na segunda etapa: aos 18 minutos, Bryan Cabezas cruzou rasteiro, e José Angulo, principal jogador da partida, fuzilou o goleiro Marcelo Barovero; e no último minuto, o zagueiro Jonathan Maidana cometeu pênalti, convertido por Junior Sornoza. Quem passar deste confronto enfrentará o vencedor de Táchira ou Pumas nas quarta de final.

(da redação)

Member of The Internet Defense League