Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leonardo, ídolo do Sport, morre aos 41 anos

Terceiro maior artilheiro do clube, com 136 gols, ex-atacante estava internado com quadro de neurocisticercose, doença provocada pelo consumo de carne de porco mal cozida

O ex-atacante Leonardo, ídolo do Sport Recife nas décadas de 90 e 2000, morreu nesta terça-feira, na capital pernambucana, aos 41 anos. Ele estava internado no Hospital da Restauração de Recife desde o dia 3 de fevereiro com um quadro de neurocisticercose, doença provocada pelo consumo de carne de porco mal cozida. Segundo informações do jornal Diário de Pernambuco, Leonardo sofreu falência múltipla de órgãos no início desta tarde.

Nascido em Picos (PI), em 13 de junho de 1974, Leonardo Pereira da Silva chegou ao Sport em 1992, e, entre diversas passagens até 2004, se tornou o terceiro maior artilheiro da história do clube, com 136 gols. No time da Ilha do Retiro, Leonardo conquistou nove títulos: duas Copas do Nordeste (1994 e 2000) e sete Campeonatos Pernambucanos (1992, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999 e 2000).

Ele ainda passou por outros grandes clubes como Vasco, Corinthians, Palmeiras e Cruzeiro e encerrou a carreira em 2012, no modesto Afogadense, de Pernambuco. Desde 2014, Leonardo trabalhava nas categorias de base do Sport, com a função de garimpar novos talentos para o clube.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League