Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lais Souza volta ao Brasil para ser homenageada

A atleta que ficou tetraplégica após acidente em treino será homenageada no Prêmio Brasil Olímpico, no Rio de Janeiro, em dezembro

Quase um ano depois do acidente que a deixou tetraplégica, a ex-ginasta Lais Souza vai voltar ao Brasil nos próximos dias. O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) revelou nesta terça-feira que Lais, que atualmente mora em Miami, nos Estados Unidos, será homenageada no Prêmio Brasil Olímpico, dia 16 de dezembro, no Theatro Municipal do Rio.

Leia também:

Lais Souza apresenta melhora após receber células-tronco

Lais fala sobre a dor e sua luta para recuperar movimentos

Lais Souza recebe alta, mas segue morando em Miami

Em novembro, a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou um projeto de lei que concede pensão especial vitalícia – no capítulo de “indenizações e pensões especiais de responsabilidade da união” – de 4.390 reais para Lais, por representar o Brasil em competições internacionais desde os 12 anos. Ela participou dos Jogos Pan-Americanos de 2003 e 2007 e das Olimpíadas de 2004 e 2008. Lais também iria disputar os Jogos de Inverno de Sochi, na Rússia, neste ano, na modalidade de esqui aéreo, mas sofreu o acidente em Salt Lake City, nos EUA: chocou-se contra uma árvore e quebrou a terceira vértebra da coluna cervical, quando treinava, no dia 28 de janeiro. Ela foi socorrida em Salt Lake, e depois transferida para a Universidade de Miami, onde é acompanhada por Antônio Marttos Júnior, médico do COB que trabalha lá. Desde junho, vive em um apartamento custeado pelo COB no centro de Miami.

Com uma recuperação surpreendente, voltou a respirar sem ajuda, a comer e a falar normalmente. Ela atualmente passa por tratamento com células tronco e vive uma intensa rotina de treinamento.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League