Clique e assine com 88% de desconto

Juiz manda Ronaldo pagar dívida de R$ 2,3 mil de IPTU à Prefeitura de SP

Ainda cabe recurso ao atleta pentacampeão com a seleção brasileira

Por Da Redação - 6 maio 2016, 15h09

A Prefeitura de São Paulo ganhou em primeira instância um processo contra o ex-jogador Ronaldo por uma dívida de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O juiz Felipe de Melo Franco determinou, em decisão proferida no último dia 19 de abril, que o ex-atleta pague 2.321,43 reais. O valor foi atualizado e sofreu correções – a dívida, datada em fevereiro de 2014, era de pouco mais de 1.500 reais.

LEIA TAMBÉM:

Ronaldo cogita se candidatar à presidência da CBF

Técnico italiano dispara em Ronaldo: ‘Era um líder negativo’

Continua após a publicidade

Quando anunciou a sua decisão, o juiz avisou em seu despacho que o valor deveria ser pago em um prazo de cinco dias, e, caso Ronaldo não quitasse a dívida, poderia ter seus bens penhorados pela Justiça.

A assessoria do atleta, porém, nega que haja dívidas com a prefeitura.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade