Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jornal espanhol faz alerta sobre risco de Neymar e Suárez contraírem zika em Recife

Brasil enfrentará a seleção uruguaia na Arena Pernambuco em 25 de março

O surto do vírus zika na América do Sul, especialmente no Brasil, segue preocupando autoridades esportivas e atletas, meses antes do início das Olimpíadas no Rio de Janeiro. Nesta quinta-feira, o jornal espanhol Sport ressaltou que duas estrelas do Barcelona correrão risco de contágio, antes mesmo dos Jogos Olímpicos, durante partida das Eliminatórias Sul-Americanas. Em 25 de março, o Brasil de Neymar enfrentará o Uruguai de Luís Suárez, na Arena Pernambuco, em Recife. O jornal destaca que a cidade é um dos locais mais atingidos pelo zika.

O Sport ressalta que a doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti é assintomática e que Recife se tornou uma zona de perigo devido ao clima tropical, aliado à baixa qualidade de saneamento básico. O clássico sul-americano marcará justamente o retorno de Luis Suárez à seleção uruguaia, um ano e meio depois da suspensão de nove jogos imposta pela Fifa, por causa da mordida dada pelo atacante no italiano Giorgio Chiellini, durante a Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

Além de Neymar e Suárez, devem ir a campo na Arena Pernambuco mais de uma dezena de atletas que retornarão à Europa para atuar por seus respectivos clubes. A discussão sobre os perigos da propagação do zika em eventos esportivos ganhou força depois que federações e atletas – especialmente mulheres, que temem engravidar – cogitaram a possibilidade de não disputar a Olimpíada no Brasil. Nesta quinta-feira, o Ministério da Saúde confirmou a terceira morte provocada pelo zika em adultos no Brasil.

Leia também:

Comitê Olímpico dos EUA nega ter sugerido a atletas não ir aos Jogos do Rio por medo do zika

Comitê Olimpíco Internacional divulga recomendações contra o vírus zika

União Europeia monta força-tarefa para acelerar vacina contra zika

(da redação)

Member of The Internet Defense League