Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jogador de hóquei é punido por 20 jogos nos EUA por empurrar juiz

O canadense Dennis Wideman, de 32 anos, cometeu a agressão na última semana no jogo contra o Nashville Pedrators; jogador alega que foi um acidente

A NHL, maior liga de hóquei dos Estados Unidos, suspendeu por 20 jogos na noite desta quarta-feira o defensor canadense do Calgary Flames, Dennis Wideman, por ter agredido o juiz de linha Don Henderson com um forte empurrão durante a partida contra o Nashville Pedrators na última semana, no dia 27 de janeiro.

Momentos antes da agressão, o zagueiro dos Flames havia sido empurrado contra o alambrado pelo adversário Miikka Salomaki. Por causa disso, a associação de jogadores da liga, a NHLPA, contestou a decisão e alegou que Wideman não estava em plena consciência do que fazia quando, logo depois, atingiu o juiz: “Os fatos, incluindo um relatório médico apresentado na audiência, demonstram claramente que Dennis não tinha a intenção de fazer contato com o juiz”.

O presidente do Calgary Flames, Brian Burke também não concordou com a medida. “Nós discordamos desta severa suspensão e acreditamos que a colisão de Dennis com o juiz não foi intencional e sim um acidente. Nós apoiamos as sanções contra jogadores que deliberadamente agridem os oficiais, mas um contato acidental sempre ocorre no hóquei”, disse Burke em comunicado.

O acusado Dennis Wideman usou a mesma justificativa: “Me jogaram muito feio contra o alambrado e senti uma dor forte nos ombros e no pescoço. Eu estava indo para fora da quadra e no último segundo vi o juiz, não pude evitar o trombo”, disse o jogador em entrevista à ESPN americana.

O julgamento do jogador foi baseado no Artigo 40 das regras da NHL, que prevê punição aos atletas que cometerem abusos físicos aos funcionários da liga. Além do gancho de 20 jogos, equivalente pouco mais de um mês de suspensão, Wideman não irá receber o salário durante esse período.

De acordo com o comunicado da liga de hóquei americana, os 564 mil dólares (quase 2 milhões e 200 mil reais) que o canadense receberia serão doados ao Players’ Emergency Assistance Fund (Fundo Emergencial de Assistência aos Jogadores). Wideman só voltará a atuar no dia 14 de março contra o St. Louis Blues.

Brasil – No futebol brasileiro, casos como esse foram tema de discussão. Em 2014, o meia Petros, então jogador do Corinthians, empurrou o juiz Raphael Claus no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro. No ano passado, Dudu, atacante do Palmeiras, atingiu o árbitro Guilherme Ceretta de Lima, também em jogo contra o Santos. Em ambos os casos, a punição que estava prevista era de seis meses, mas foi reduzida para três jogos no caso de Petros e cinco no de Dudu.

‘Me sinto um assassino’, diz Petros após suspensão

Grêmio identifica torcedores racistas e expulsa dois sócios

(Da redação)

Member of The Internet Defense League