Clique e assine com 88% de desconto

Insatisfeita, diretoria do Bayern cogita demissão de Guardiola

O espanhol já firmou acordo para treinar o Manchester City, da Inglaterra, na próxima temporada. Desde então, a relação entre o treinador e seu atual clube só tem deteriorado

Por Da Redação - 14 fev 2016, 11h30

Quem diria que Pep Guardiola, considerado um dos maiores treinadores do mundo, estaria na corda bamba no Bayern de Munique. Mesmo na liderança do Campeonato Alemão, o técnico dos bávaros poderá ser demitido caso a equipe seja eliminada nas oitavas de final da Liga dos Campeões, contra a Juventus.

Desde o anúncio de que não iria renovar seu contrato com o Bayern pelo fato de sonhar em trabalhar na Inglaterra, o ambiente no seu atual clube ficou um pouco carregado. O time também não vem conseguindo render o que já rendeu no passado, o que contribui ainda mais com a insatisfação da diretoria alemã com o espanhol.

Recentemente, Guardiola declarou que é como uma mulher e que consegue fazer várias coisas ao mesmo tempo, se referindo ao trabalho no Bayern e o projeto que já deve ter sido iniciado para a montagem da sua próxima equipe: o Manchester City. Muitos na Alemanha acreditam que o treinador não está totalmente focado no Bayern de Munique e por isso mesmo ele poderia ser descartado caso não venha a ter sucesso no principal objetivo do clube, que é a conquista da Liga dos Campeões.

O Bayern de Munique já definiu quem será o substituto de Guardiola. Responsável por vencer a histórica ‘La Décima’ com o Real Madrid, Carlo Ancelotti terá a missão de comandar os bávaros após a passagem do treinador espanhol. Só resta saber se o italiano terá o mesmo sucesso que teve em Madri e conseguir mais um título de Liga dos Campeões.

Continua após a publicidade

(com Gazeta Press)

Publicidade