Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Herói palmeirense comemora aniversário dos filhos no vestiário

Goleiro Fernando Prass fez defesas cruciais contra o Fluminense e garantiu a passagem do Palmeiras à decisão da Copa do Brasil

O goleiro Fernando Prass foi o grande herói da classificação do Palmeiras à final da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira. Além de defender uma cobrança de Gustavo Scarpa na decisão por pênaltis, o capitão palmeirense ainda parou um chute de Fred que decretaria a vaga do Fluminense, a poucos minutos do fim. Decretada a vitória, Prass se emocionou e dedicou o feito aos filhos gêmeos, Caio e Helena, que faziam aniversário e estavam no Allianz Parque à sua espera.

“Meu filho estava dentro do vestiário, a minha filha ainda estou procurando. Ela me perguntou onde eu estaria no dia 28, falei que teria jogo e voltaria para dar os parabéns. Tudo correu da melhor maneira possível. Como goleiro não faz gol, eles me cobravam para defender um pênalti por tê-los largado no dia do aniversário”, contou o goleiro.

O goleiro admitiu que a rotina de treinos, concentrações e jogos o afasta dos familiares, mas disse que momentos como este compensam o sacrifício. “Minha filha fala: ‘Você nunca está em casa’. Quem é pai sabe como isso corta o coração. Mas eles começaram a entender que fazemos isso por eles também. Cada profissão tem ônus e bônus. O futebol tem essa situação de não poder participar de muitas coisas da minha família, e sempre digo que, para perder tudo isso, tem que fazer valer a pena. Por isso estamos muito felizes”.

Prass já havia sido herói em outra semifinal, a do Campeonato Paulista deste ano, quando defendeu as cobranças de Elias e Petros, do Corinthians, em Itaquera. Em seguida, o Palmeiras foi derrotado na final do Estadual, justamente pelo Santos, que também será seu rival na decisão da Copa do Brasil, em nova decisão por pênaltis. As finais da Copa do Brasil acontecem em 25 de novembro e 2 de dezembro, ainda sem os mandos de campo definidos.

(com Gazeta Press)

Member of The Internet Defense League