Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gilmar diz que Marcelo não foi convocado por falta de iniciativa: ‘Pra jogar na seleção, tem que querer muito’

Em mais uma versão sobre a não convocação do lateral do Real Madrid, coordenador fez críticas ao jogador e ao técnico Zidane

A não convocação do lateral Marcelo para as últimas partidas da seleção brasileira continua dando dor de cabeça para a comissão técnica, que ainda não conseguiu esclarecer totalmente o ocorrido. Nesta segunda-feira, o coordenador técnico Gilmar Rinaldi deu uma nova versão para o tema e disse que Marcelo ficou de fora por falta de iniciativa.

Em entrevista ao canal Fox Sports, Gilmar afirmou que o lateral do Real Madrid não foi chamado porque não ligou para o médico da seleção, Rodrigo Lasmar, para atualizá-lo sobre sua condição física. O lateral estava retornando de contusão, treinou normalmente e voltou a jogar pelo clube espanhol naquela semana.

“O Marcelo combinou que ia treinar de manhã e ligar para o doutor para dizer se estava bem, como fez o Ricardo Oliveira, por exemplo. Chegou o dia da convocação, com o mundo todo esperando pela lista, eu não podia ficar esperando. Perguntamos ao doutor se tinha novidade, ele disse que não. Acabou, não tem segredo.”

Leia também:

Galvão Bueno critica baladas e postura de Neymar

Tropeços reabrem debate sobre treinador, zaga e faixa de capitão na seleção

Pressionado, Dunga exalta vontade dos jogadores em empate

Gilmar relembrou seus tempos de goleiro e afirmou que os atletas precisam demonstrar interesse em vestir a camisa amarela. “Os caras têm que querer muito vir para a seleção. Quando eu era jogador e ia para a seleção, eu nem dormia, ficava num desespero para ser convocado.”

O que mais incomodou Gilmar foi uma declaração de Zinedine Zidane, técnico do Real Madrid, que negou a versão de Dunga de que o clube espanhol foi consultado antes da convocação. “Como que o cara vem e chama o Dunga de mentiroso assim? Que respeito é esse? O Zidane disse que não falamos com ninguém do Real Madrid, mas o Marcelo é jogador de qual time? Não falamos com a comissão do Real Madrid, falamos diretamente com o jogador.” No dia da convocação, porém, Dunga havia dito que o médico do Brasil tinha consultado o médico do Real Madrid.

Marcelo durante jogo contra a Colômbia no Castelão, em Fortaleza

Marcelo durante jogo contra a Colômbia no Castelão, em Fortaleza (/)

Desencontros – O caso de Marcelo mostrou uma evidente falta de comunicação entre as partes envolvidas. No dia da convocação, Dunga justificou a ausência do jogador (substituído por Alex Sandro, da Juventus) dizendo que Marcelo estava sem condições físicas, citando, inclusive, a suposta conversa entre os médicos. O jogador, no entanto, retornou aos campos normalmente, o que pôs a CBF em uma saia-justa. Em seguida, a comissão técnica afirmou que a decisão partiu do médico da seleção brasileira.

Em entrevista à emissora Esporte Interativo naquela semana, Marcelo confirmou que chegou a falar com o médico Rodrigo Lasmar. “Conversei com o doutor na quarta-feira, e ele me perguntou como eu estava. Expliquei que estava voltando de lesão e que ia treinar com o grupo na quinta-feira, dia da convocação, e treinei. Fiquei de avisar como ia me sentir no treino. E, quando fui avisar, já tinha saído a convocação”, lamentou Marcelo, que admitiu ter ficado “chateado” com a situação.

Dunga, então, voltou a complicar a situação ao dizer que o médico da seleção, Rodrigo Lasmar, mostraria as mensagens que trocou com Marcelo à imprensa. No entanto, Lasmar afirmou ao site globoesporte.com que não tinha trocado mensagens com o jogador, apenas ligado diretamente, e disse que Dunga “se confundiu um pouco”.

Lasmar afirmou ainda que a não convocação do atleta foi uma escolha da comissão técnica. Desde o início de seu trabalho, Dunga tem escalado Filipe Luís, do Atlético de Madri, como titular da lateral esquerda.

(da redação)

Member of The Internet Defense League