Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘France Football’ revela ‘time do ano’ com dois brasileiros

Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo formam o ataque ideal da temporada. Lista teve surpresas e a ausência de Luis Suárez

A revista France Football, parceira da Fifa na premiação da Bola de Ouro, revelou nesta quarta-feira seu time ideal de 2015. O Barcelona, o grande campeão da temporada, foi o clube com mais representantes: os brasileiros Daniel Alves e Neymar, além do argentino Lionel Messi e do espanhol Andrés Iniesta. As surpresas da lista foram o volante polonês Grzegorz Krychowiak, do Sevilla, e o meia belga Kevin De Bruyne, do Manchester City, dois jovens atletas que se destacaram no futebol europeu.

O time completo foi formado por Gianluigi Buffon (Juventus), Daniel Alves (Barcelona), Diego Godín (Atlético de Madri), Giorgio Chiellini (Juventus), David Alaba (Bayern de Munique), Grzegorz Krychowiak (Sevilla), Andrés Iniesta (Barcelona), Kevin De Bruyne (Manchester City), Lionel Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Neymar (Barcelona).

Leia também:

Brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa é eleito o jogador mais odiado do mundo

Sem moral? Neymar vira fotógrafo de Messi com fã

Barcelona demite jogador por tuítes contra a Catalunha

A publicação ainda listou o time reserva, com destaque para o uruguaio Luis Suárez, que apesar de ter sido decisivo nos títulos do Barcelona, perdeu a vaga no time titular para Cristiano Ronaldo: Manuel Neuer (Bayern de Munique), Serge Aurier (PSG), Gerard Piqué (Barcelona), Javier Mascherano (Barcelona), Ricardo Rodriguez (Wolfsburg), Sergio Busquets (Barcelona), Ivan Rakitic (Barcelona), Arturo Vidal (Bayern de Munique), Pierre-Emerick Aubameyang (Borussia Dortmund), Robert Lewandowski (Bayern de Munique) e Luis Suárez (Barcelona).

Brasileiros – A publicação francesa elogiou o desempenho dos representantes brasileiros. Sobre Daniel Alves, apontado como “intocável na posição”, ressaltou que o jogador “estava um pouco perdido no ano passado, quando falhou na Copa do Mundo e negociou de forma interminável uma prorrogação de contrato.” Mas, segundo a revista, o lateral brasileiro “colocou as coisas em ordem em 2014 e, aos 32 anos, foi um dos melhores jogadores do Barcelona, com suas qualidades conhecidas: potência, velocidade, e qualidade nos cruzamentos”.

Sobre Neymar, a France Football relembrou a desconfiança que cercava o craque antes de um ano praticamente perfeito pelo Barcelona. “E pensar que muitas pessoas duvidavam que ele brilharia na Europa com sua fragilidade física. Que ano teve Neymar! (…) Perfeito em seu papel na ala esquerda, como marcador, passador e destruidor de defesas.” A revista, porém, cita uma “mancha negra” em seu ano: a suspensão por causa da confusão na partida contra a Colômbia, na Copa América. Neymar ainda disputará com Messi e Cristiano Ronaldo o prêmio Bola de Ouro da Fifa de melhor jogador da temporada, que será entregue em 11 de janeiro, em Zurique, na Suíça.

(da redação)

Member of The Internet Defense League