Clique e assine com 88% de desconto

Felipe Anderson e Gabigol comandam goleada da seleção olímpica sobre os EUA

Equipe que se prepara para a Rio-2016 encerrou o ano com uma vitória, de virada, por 5 a 1 no Mangueirão, em Belém.

Por Da Redação - 16 nov 2015, 08h05

A seleção brasileira que se prepara para a Olimpíada de 2016 no Rio de Janeiro voltou a deixar boa impressão neste domingo. Jogando no Mangueirão, em Belém, a equipe sub-22 goleou os Estados Unidos, de virada, por 5 a 1. Felipe Anderson, da Lazio, e Gabriel Barbosa, o Gabigol do Santos, foram os destaques da partida.

Este foi o quinto e último amistoso da seleção olímpica em 2015. Antes, havia perdido para a França por 2 a 1, na Europa, em setembro, goleado a República Dominicana (6 a 0) e Haiti (5 a 1), ambos na Arena Amazônia, em Manaus, em outubro e vencido a própria seleção americana por 2 a 1, no Recife, na última quarta-feira.

Rio-2016: seleção masculina de futebol joga primeira fase em Brasília e Salvador

O jogo – Em Belém, os visitantes marcaram primeiro, logo aos 6 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de falta pela direita, o zagueiro Marlon, do Fluminense, subiu para tentar cortar, mas marcou contra. O gol de empate saiu no fim do primeiro tempo, aos 43. Rodrigo Caio, do São Paulo, lançou Gabriel pela direita. O atacante santista invadiu a área livre e tocou rasteiro para igualar. O técnico Rogério Micale preferiu fazer várias mudanças na equipe para o segundo tempo e o Brasil voltou em ritmo acelerado.

Continua após a publicidade

Logo no início, Felipe Anderson, que havia entrado na primeira etapa no lugar do lesionado Valdivia, do Inter, recebeu passe de Gustavo Scarpa pelo lado direito da área e chutou firme para a defesa do goleiro Cody Cropper. Ele mesmo pegou o rebote e marcou o gol da virada. O próprio Felipe Anderson ampliou aos 17 minutos, em cobrança de falta de longa distância, sem chances para o goleiro americano. A partir daí a defesa dos Estados Unidos se abriu e o Brasil goleou de forma impiedosa.

Aos 36, Luan, do Grêmio, foi à linha de fundo e tocou para trás. O lateral Fabinho, do Monaco, chutou, Crooper deu rebote e Gabigol marcou o quarto. Dois minutos depois, o próprio Luan fechou o placar ao completar boa jogada entre Gabigol e Gabriel Jesus, do Palmeiras.

(da redação)

Publicidade