Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em São Januário, Corinthians pega o Vasco para concretizar o hexa

Se vencer, o time paulista garante o sexto título brasileiro faltando apenas três rodadas para o término da competição

O Corinthians enfrenta nesta quinta-feira o Vasco, em São Januário, às 22h, para se consagrar, enfim, como hexacampeão brasileiro. Faltando três rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, a partida promete ser tensa pela importância do confronto para os dois times. Se os paulistas buscam o título, os cariocas querem evitar o rebaixamento a qualquer custo. Prevendo dificuldades, o técnico Tite faz de tudo para manter o grupo focado e até evita cravar se os jogadores que estavam na seleção brasileira começarão como titular. À exceção do goleiro Cássio, que não enfrentou o Peru e deve jogar, Gil, Elias e Renato Augusto ainda não estão confirmados como titulares.

Tite conversou com os jogadores que podem entrar no lugar dos convocados, no caso Edu Dracena, Bruno Henrique e Rodriguinho, e pediu para que estejam preparados para jogar. De acordo com o técnico do Corinthians, o time deve estar totalmente concentrado e sabe que uma eventual ansiedade pode atrapalhar o Corinthians na disputa contra o Vasco. “Pela primeira vez vamos tentar o título porque nas outras oportunidades não estava na nossa mão. Sabemos o grau de dificuldade de enfrentar o Vasco”.

Com relação ao mando ter sido escolhido para São Januário, o treinador mostrou-se aflito pelo alto risco de violência e intolerância por parte da torcida do Vasco e das circunstâncias da partida. “Não levaria um parente, sinto responder isso. Não falo com satisfação. A gente tem muito a melhorar na educação, parece que no esporte pode tudo. Parece que se justifica a violência, a falta de respeito, a cusparada, tem de fazer cinturão para entrar no estádio. Gostaria que as pessoas responsáveis por esse jogo tivessem um grande cuidado,” disse Tite.

Ao todo, 320 policiais trabalharão no jogo.O Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (GEPE), do Estado do Rio de Janeiro, vai atuar com 190 agentes na parte interna (50 a mais do que em clássicos no Maracanã), enquanto que o 4.º BPM (São Cristóvão) fará o reforço com 130 PMs no entorno. São esperados dois mil torcedores do Corinthians.

Com 11 pontos de vantagem sobre o Atlético-MG na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, o Corinthians precisa apenas de um resultado positivo diante do Vasco para levantar a taça com antecedência. Se não vencer, precisa torcer por um tropeço do time mineiro diante do São Paulo, no Morumbi, para ficar com o troféu. A conquista antecipada só não vem se o Atlético-MG conquistar os três pontos na rodada.

LEIA TAMBÉM:

Corinthians planeja volta olímpica no sábado, diz Love

Corinthians vence ‘final antecipada’ contra o Atlético-MG

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League