Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

“É a minha nova casa”, diz Pato ao chegar ao Chelsea

Atacante chegou a Londres para definir os últimos detalhes do contrato de seis meses de empréstimo com o clube inglês

O atacante Alexandre Pato desembarcou nesta quarta-feira em Londres, onde vai acertar os últimos detalhes da sua transferência ao Chelsea. O jogador do Corinthians será emprestado por seis meses, até o fim da temporada 2015/2016 do futebol europeu, e o clube inglês assumirá o salário de 800 mil reais do atacante, o que já é considerado um alívio para os cofres da equipe paulista. Ao chegar à capital inglesa, Pato se mostrou contente com o fim da novela: “O Chelsea é a minha nova casa. Estou muito feliz por chegar a uma casa nova e quero logo conhecer os meus novos companheiros de clube para que eu possa me adaptar e jogar o mais rápido possível”, afirmou o jogador, em entrevista à ESPN Brasil.

A intenção da diretoria corintiana era negociá-lo neste começo de ano, tanto que o atacante nem viajou aos Estados Unidos, onde o Corinthians realizou parte da sua pré-temporada na disputa da Florida Cup. Neste mês, Pato recusou uma oferta milionária para o futebol chinês, pois tinha o interesse de voltar a jogar no futebol europeu, onde já atuou pelo Milan, na Itália.

O Corinthians espera confirmar no máximo até quinta-feira o empréstimo de Alexandre Pato para o Chelsea. Os departamentos jurídicos dos dois clubes estão definindo as últimas cláusulas do contrato. Se o Chelsea decidir ficar com Pato após o período de empréstimo, o clube inglês terá de desembolsar 12 milhões de euros (cerca de 53 milhões de reais). O jogador tem contrato com o Corinthians até o fim do ano e, caso o atacante retorne da Inglaterra, Pato pode assinar em julho um pré-contrato com qualquer outro clube para deixar o Parque São Jorge sem custos em 2017.

A única opção para não perder o jogador de graça seria a renovação antes do término do contrato, mas o ex-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez – que está no centro das negociações mesmo sem nenhum cargo no clube – disse na noite desta terça-feira à Rádio Bandeirantes que não há nenhuma chance de isso acontecer. “Se prorrogar o contrato e o Chelsea não comprar, quem vai comprar depois? E nós babacas vamos pagar salário de novo. A cagada já está feita, agora é a hora de recuperar. Se não recuperar agora, um abraço”, afirmou o ex-dirigente.

Leia também:

Tite revela temor de perder mais jogadores no Corinthians

‘Reis’ brasileiros na Ásia garantem que jogar na China vale a pena

Presidente do Corinthians se irrita com debandada: ‘Quem quiser, pode ir embora’

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League