Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Campeão chinês da natação diz que não foi à final dos 1500 m por problemas cardíacos

Sun Yang, de 23 anos, sentiu um mal-estar durante o aquecimento e revelou ter sentido dores semelhantes na disputa do ouro nos 800m

O astro chinês da natação, Sun Yang, que causou polêmica ao sumir, neste domingo, momentos antes da final dos 1.500m, no Mundial de Esportes Aquáticos, em Kazan, na Rússia, explicou que não disputou a prova por causa de um problema no coração. O nadador de 23 anos, recordista mundial, campeão olímpico e bicampeão mundial da distância, sentiu um mal estar durante o aquecimento e revelou ter sentido dores semelhantes na última quarta-feira, quando conquistou a medalha de ouro nos 800m: “Senti que meu coração não estava bem depois dos 800m. Senti o mesmo desconforto no aquecimento hoje à noite e tive que desistir de competir. É a primeira vez que senti um desconforto no coração durante uma competição”, desabafou o nadador em entrevista coletiva no domingo.

Em 2014, o atleta chinês foi suspenso por três meses ao ser confirmado, em exame antidoping, o uso da substância trimetazidina, que costuma ser receitada em casos de problemas cardíacos.

Astro chinês ‘some’ e não nada final após confusão com nadadora brasileira

Sun Yang recusou-se a comentar a suposta agressão à nadadora brasileira Larissa Oliveira. Segundo Albertinho Silva, técnico do Brasil, o atleta compartilhava a mesma raia da brasileira no aquecimento e causou confusão ao puxar a perna e passar por cima dela. Outros competidores confirmaram ter visto o incidente na piscina, a mesma em que o chinês passou mal horas depois, pouco antes da final. Sun Yang era o favorito para a prova dos 1500m e disputaria sua quarta medalha no Mundial de Kazan – ele já havia conquistado o ouro nos 400m e 800m e a prata nos 200m.

(Com AFP)

Member of The Internet Defense League