Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Boxeador mais experiente do Brasil fratura o antebraço, anuncia aposentadoria e está fora da Rio-2016

Com o tempo de recuperação de pelo menos três meses, o paraense Myke Carvalho, de 32 anos, não irá participar do torneio pré-olímpico que definirá as vagas do boxe para os Jogos do Rio.

O boxeador brasileiro Myke Carvalho, o mais experiente entre os atletas da seleção brasileira na modalidade, está fora dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, que começará em agosto. Ele quebrou o antebraço esquerdo há duas semanas, operou na última terça-feira e a previsão dos médicos não foi nada animadora: pelo menos três meses de recuperação, o que torna impossível sua participação no torneio pré-olímpico em Buenos Aires, na Argentina, que definirá as vagas da Rio-2016, de 8 a 20 de março. Com a má notícia, o veterano de 32 anos – participante de três olimpíadas (Atenas, Pequim e Londres) – decidiu encerrar de vez sua carreira.

“Para mim já deu o boxe. Vou parar de lutar e agora vou trabalhar como treinador. Tenho minha academia em Belém e um projeto que se chama ‘Descobrindo Talentos. É uma pena, mas a vida é assim. Eu estava treinando para ir em busca de medalha no Rio”, conta Myke, que há um ano trabalha em uma ONG que ajuda na formação de novos boxeadores. A luta que tirou o brasileiro da Olimpíada foi contra o norueguês Martin Larsen, pela primeira rodada do Istvan Bocskai Memorial, na Hungria. Assim que deu um golpe de esquerda no adversário, o paraense acabou fraturando o antebraço.

Bronze no meio-médio-ligeiro (até 64kg) no Pan do Rio, em 2007, e no meio-médio (até 69kg) em Guadalajara, em 2011, Myke havia subido de categoria mais uma vez e fazia campanha olímpica entre os médios (até 75kg). Ele não foi ao Pan de Toronto porque perdeu na estreia do evento qualificatório, disputado em junho do ano passado, mas tinha chances de garantir uma das três vagas nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Rio-2016 – Outro atleta brasileiro que não irá disputar o maior evento esportivo do mundo é o pivô da seleção brasileira de basquete, Tiago Splitter. O jogador do Atlanta Haws, da NBA, vai operar o quadril e ficará de fora de toda a temporada da liga americana de basquete e também dos Jogos do Rio.

Leia também:

Boxeadora brasileira é pega no doping e deve perder Rio-2016

‘Luta do Século’ entre Mayweather e Pacquiao será investigada por fraude nos EUA

Mayweather, após a vitória sobre Manny Pacquiao: “Fui o mais inteligente no ringue”

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League