Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bauza defende Lucão e Ganso após nova derrota em clássico

Zagueiro de 19 anos recebeu muitas críticas ao falhar nos dois gols do Corinthians na derrota por 2 a 0 em Itaquera

O técnico Edgardo Bauza tentou manter a calma após mais uma decepção do São Paulo em Itaquera. Tanto o argentino quanto os jogadores saíram em defesa de Lucão e evitaram colocar no zagueiro a culpa pela derrota para o Corinthians por 2 a 0, neste domingo. O jogador de apenas 19 anos falhou feio ao dar uma “assistência” para Lucca no primeiro gol e também não acompanhou Yago no segundo.

“Não podemos crucificar o Lucão. Todos cometem erros. Ele teve o azar de ter cometido um erro que custou um gol. É um jogador jovem com muito futuro. Esse tipo de coisa vai ajudá-lo a crescer. Estou seguro de que isso vai ajudá-lo”, disse Bauza, que atuou como zagueiro nas décadas de 70 e 80.

Os atletas também defenderam o jogador, que deve ser titular novamente na partida de quarta-feira, contra o The Strongest, no Pacaembu, pela Libertadores. “Não adianta falar que perdemos por causa do Lucão. Aqui é um grupo e estamos todos juntos”, disse o capitão do time, Michel Bastos. “O que aconteceu com o Lucão foi uma fatalidade. Ele é um menino que trabalha muito”, afirmou o volante Hudson.

Carioca: Vasco vence Flamengo no fim e segue invicto

O goleiro Denis, diretamente envolvido no lance do primeiro gol, disse que houve um problema de comunicação com Lucão. “Não estou aqui para apontar erro de ninguém. Eu gritei porque vi que o jogador do Corinthians virou de costas, mas ele não me ouviu. É difícil a comunicação com estádio lotado. Não tem de colocar culpado em alguém, vamos trabalhar para não errar mais”, disse.

O técnico Edgardo “Patón” Bauza também defendeu o meia Paulo Henrique Ganso, que, mais uma vez, teve atuação apagada em um clássico. “Havia pouco espaço. Não foi uma partida fácil para ele, porque o Corinthians marcou muito. Vamos seguir trabalhando para que participe mais. Participando mais, vai ajudar. Mas a equipe não fez uma partida ruim, só que terminou ganhando quem tem mais tempo de trabalho”, afirmou. Esta foi a quarta derrota do São Paulo em quatro clássicos no novo estádio do rival.

Lucão falhou feio na derrota para o Corinthians, mas foi defendido por companheiros

 (/)

Provocação – O ex-presidente do Corinthians, Andrés Sánchez, não perdeu a chance de, mais uma vez, provocar o rival São Paulo. Em entrevista à TV Gazeta neste domingo, o agora deputado federal (PT-SP) disse que aceitaria o zagueiro Lucão no Corinthians.

“Vou pedir para o Roberto (de Andrade, presidente do Corinthians) ligar para o Leco (presidente do São Paulo) e fazer a oferta de empréstimo do Lucão até o fim do ano, com passe estipulado em 3 de milhões de euros (R$ 13,5 milhões)”, declarou Andrés.

Lucão tem contrato com o São Paulo até 4 de junho de 2019 e, segundo Andrés Sanchez, muito futuro. “O Lucão é um grande jogador. É titular das categorias de base da Seleção. Tem um grande futuro”, disse o corintiano.

(da redação)

Member of The Internet Defense League