Clique e assine com 88% de desconto

Apaixonado por futebol, papa diz que era ‘perna de pau’ e jogava no gol

Em entrevista a jornal holandês, Francisco relembra as 'peladas' que disputou na infância e os jogos a que assistiu no estádio

Por Da Redação - 6 nov 2015, 17h48

Torcedor declarado do San Lorenzo, da Argentina, o papa Francisco, de 78 anos, relembrou sua infância, quando disse que gostava de jogar bola nos campos de Buenos Aires. O pontífice argentino contou que era sempre escolhido para ser o goleiro da “pelada”, devido à falta de habilidade com os pés. “Em Buenos Aires, aqueles que jogavam futebol como eu eram chamados de ‘pata dura’. Na época, isso significava que você tinha “dois pés esquerdos”. Mesmo assim, eu jogava muitas vezes, mas era goleiro na maioria do tempo porque não conseguia jogar na linha”, disse Francisco em entrevista ao jornal holandês Straatnieuws, publicada nesta sexta-feira.

Leia também:

San Lorenzo, o time do papa, conquista a Libertadores

Papa recebe San Lorenzo e festeja título da Libertadores

Continua após a publicidade

Novak Djokovic segue papa e vira sócio do San Lorenzo

O papa Francisco sempre que pode acompanha seu time de coração, o San Lorenzo. Ele contou que sua paixão pelo futebol começou na infância e tem boas lembranças de quando ia aos estádios da capital argentina junto com seus familiares. “Meu pai trabalhava em uma fábrica em Buenos Aires, que não era longe de casa, e meus avós moravam ainda mais perto. Todos estávamos a uma caminhada de distância um dos outros. Eu lembro dos nomes de todas as pessoas e ir ao estádio é uma das melhores memórias que tenho de minha infância”, finalizou o papa.

(Com Gazeta Press)

Publicidade