Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tiago Leifert sai em defesa do ex-BBB Laércio

Apresentador criticou alvoroço nas redes sociais e disse que somente a polícia e o Ministério Público devem julgar o curitibano, acusado de abusar de uma menina de 13 anos

O apresentador Tiago Leifert comentou o caso da prisão do ex-BBB Laércio de Moura nesta segunda-feira, após ser acusado de fornecer bebida alcoólica e abusar de uma menina de 13 anos. Em seu perfil no Twitter, o global criticou aqueles a quem ele chama de “justiceiros de rede social” e afirmou que o trabalho de avaliar a culpa do designer de tatuagem é da polícia e do Ministério Público, e não do público em geral.

“Bastante gente nervosa aqui hoje, então vamos lá. Com calma e cabeça fria. Criminosos na cadeia, inocentes fora dela. Quando se tem provas, excelente! Quando não se tem nenhuma, não se pode agir”, escreveu. “Soube que prenderam um ex-BBB. O trabalho é da polícia e MP (Ministério Público), não de justiceiros de rede social. Não é no Twitter que se melhora a sociedade.”

“Aqui você pode cobrar, gritar, mas não pode se tornar um guerrilheiro de rede social e correr o risco de ser injusto. Eu prefiro que sejam injustos comigo do que eu cometer uma injustiça com alguém. É assim que eu penso. Se for culpado, que apodreça em cana. Se não for, não quero ser eu o apedrejador. Não tenho como julgar no Twitter, né? Então é essa a mensagem que gostaria de colocar aqui hoje: balancear a sede de justiça com o perigo de ser injusto. E vamos cobrar e prestar atenção, mas é importante deixar a Justiça na mão de quem foi treinado para aplicá-la.”

Leia também:

Ana Paula comenta prisão de Laércio do ‘BBB16’: ‘Surpresa’

Polícia divulga conversa entre Laércio e vítima; ex-BBB pode pegar 15 anos por estupro

No ‘Mais Você’, Globo ameniza imagem ruim de Laércio: ‘pedofilia não é crime’

‘BBB16’: Perfil de Laércio no Facebook é apagado

‘BBB16’: Laércio vira alvo na internet e ganha site com acusações ​

Não é a primeira vez que Leifert se pronuncia sobre Laércio. Em janeiro, quando a participante do BBB16 Ana Paula brigou com o curitibano por se irritar pela forma como ele olhava para as meninas da casa, o apresentador escreveu no Twitter: “Vocês estão muito nervosinhos. É o BBB, é um programa que as pessoas vão se expor. Se expor pra 30 milhões pode, um cara olhando vocês surtam? Vocês podem não gostar do cara, e ter o PPV (pay-per-view), e saberem tudo. Mas continua sendo o BBB. Um programa que as pessoas vão para serem olhadas.”

Ele também criticou aqueles que defenderam Ana Paula, que chamou Laércio de pedófilo durante uma briga. “A vocês chamando o cidadão de ‘pedófilo’, esse é um crime terrível (e acusar alguém em rede social sem prova alguma também é! Ops!)”, escreveu.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League