Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘SuperStar’ tem Daniela Mercury soltinha e Paulo Ricardo filosófico

Enquanto a nova jurada se mostrou bem à vontade durante reality, vocalista do RPM fez comparações inusitadas entre os astros da música e os competidores

No segundo programa da terceira temporada de SuperStar, Daniela Mercury se mostrou feliz e solta com o novo emprego de jurada do reality. A cantora parecia se divertir a cada apresentação, deixando sua cadeira vazia diversas vezes para dançar pelo palco. A baiana também estava empenhada em não cometer (mais) gafes, e refletiu bastante quando se viu em dúvida pelo “sim” ou “não”. Ela, aliás, comemorou a volta da banda Fulô de Mandacaru, que poderá disputar a repescagem, após seu voto errôneo ter sido corrigido pela produção.

Já os outros jurados pareciam menos animados e mais sérios. Paulo Ricardo estava com pose de pensador e chegou a fazer comparações um tanto quanto forçadas. O cantor, ao falar com Hugo, um garoto de 11 anos, da boyband Tróia, o comparou com o rei do pop. “O Michael Jackson também começou com 11”, disse o cantor, sem apontar, na verdade, a gritante diferença de qualidade entre os dois. Ricardo ainda foi além, ao dizer que a banda sem sal de pop rock Bella Xu lembrava nomes como U2 e Coldplay. Já Sandy voltou a encarnar a boa samaritana de coração puro e elogiou o máximo que pode os candidatos. “Vocês já estão muito prontos”, disse várias vezes, como se o elogio fosse seu bordão.

Leia também:

No ‘Superstar’, Daniela Mercury tem seu dia de Gloria Pires no Oscar

Erro de Daniela Mercury no ‘SuperStar’ é corrigido e banda de forró ganha nova chance

‘SuperStar’ muda de horário e troca Thiaguinho por Daniela Mercury

Na competição, quatro bandas se classificaram para continuar no programa. A primeira colocada do dia foi Plutão Já Foi Planeta, de Natal, que tocou a música autoral Viagem Perdida. Com uma sonoridade indie pop, o grupo alcançou 90% de aprovação do público. O segundo colocado também apresentou um estilo mais alternativo: o dia foi dos hipsters. O Pagan John, que se autodenomina uma banda de folk pop, fez uma versão com roupagem caipira de Sina, de Djavan, e conseguiu 84% de aprovação.

A boyband Tróia foi outra que se destacou. As atenções se concentraram no pequeno integrante Hugo, que assumiu o papel de porta-voz do quarteto após a classificação, enquanto seus companheiros, bem mais velhos, choravam copiosamente de emoção. O grupo conseguiu 82% dos votos. A última classificada foi a banda de soul rock curitibana Georgia, que fez um medley de Amy Winehouse com Tim Maia e alcançou 80,25%. A trupe bateu a companheira de estilo musical Izzy Gordon, que também cantou Tim Maia, porém ousou e misturou hits do cantor com músicas do Black Eyed Peas, alcançando 80,06%, o que classifica a banda paulista para a repescagem, que acontece no quinto programa.

Ainda ganharam uma segunda chance para se classificar na repescagem as bandas Bella Xu, de pop rock; os sertanejos da curitibana Kanoa; e A Quebrada, com uma sonoridade que lembra o Cidade Negra. Já a banda de axé baiana Mil Verões – que ganhou um “não” até de Daniela, que criticou a falta de originalidade do grupo – e a banda Tereza, de Niterói, que viu seu pop sem graça na última colocação do dia, com apenas 54% de aprovação, se despediram da competição.

Member of The Internet Defense League