Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pró-impeachment defendem boicote a filme com Sônia Braga

Nesta terça-feira, elenco de 'Aquarius', primeiro filme brasileiro a concorrer à Palma de Ouro em Cannes em anos, protestou contra o afastamento da petista Dilma Rousseff

A rixa entre os grupos pró e contra o impeachment de Dilma Rousseff chegou ao cinema nacional. Depois de o elenco de Aquarius, produção do pernambucano Kléber Mendonça Filho que é o primeiro filme brasileiro a concorrer à Palma de Ouro em anos, ter protestado contra o afastamento da petista no tapete vermelho do Festival de Cannes, nesta terça, defensores do fim do governo Dilma têm usado as redes sociais para sugeriu um boicote ao longa. O elenco do filme segurou cartazes com dizeres como “golpe no Brasil”. Aquarius ainda não tem data de estreia no país. Na manhã desta quarta, #BoicoteAquarius era o terceiro assunto mais discutido no Twitter — bronze nos chamados Trending topics.

LEIA TAMBÉM:

Sonia Braga brilha em ‘Aquarius’, aplaudido em Cannes

Pedro Almodóvar faz drama sóbrio sobre as perdas da vida em ‘Julieta’

Filme com Kristen Stewart é vaiado em Cannes

“Esses artistas não estão nem aí pra realidade da crise! No abismo que o país está, é o egoísmo falando mais alto @andrizek”, diz um usuário. “Essa reaçada me deixa orgulhoso! Acabou a hegemonia da esquerda infantilizada do Brasil!”, escreve outro. “A hashtag #BoicoteAquarius só mostra que tem gente muito intolerante nesses discursos pró-impeachment”, contemporiza um terceiro.]

LEIA TAMBÉM:

‘O Som ao Redor’ ganha prêmio da Associação de Críticos de Toronto

Brasileiro ‘O Som ao Redor’ é premiado em Nova York ​

Cinema pernambucano: para brasileiro e gringo ver

Artistas têm elevado o tom da defesa de Dilma Rousseff em especial desde que o Ministério da Cultura foi fundido com o da Educação. Política à parte, vale lembrar que Aquarius é o segundo longa do pernambucano Kléber Mendonça Filho, que estreou com o muito elogiado O Som ao Redor. A nova produção do diretor fala de memória, história, resistência e especulação imobiliária. Como em seu trabalho anterior, O Som ao Redor, o cineasta faz um panorama agudo da sociedade pernambucana – e brasileira, no fundo.



Member of The Internet Defense League