Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Patricia Abravanel pede desculpa por comentário sobre gays

Filha de Silvio Santos disse ser contra a homossexualidade ser tratada como algo normal durante participação no programa do pai, neste domingo

Criticada desde a noite deste domingo por dizer que era contra a homossexualidade ser tratada como algo normal, Patricia Abravanel decidiu pedir desculpas. Em seu perfil no Instagram, a filha de Silvio Santos publicou uma imagem de um coração e disse que foi “mal interpretada”. “Peço desculpa se ofendi alguém ontem no Jogo dos Pontinhos. Dei apenas minha opinião, mas fui mal interpretada. Sou a favor do amor do respeito e da tolerância”, escreveu na legenda.

Leia também:

Filha de Silvio Santos diz que ‘homossexualismo não é normal’

Silvio para Patricia: ‘Você não teve que dar certo porque é filha do dono’

Na luta pela audiência, Xuxa sofre nas mãos de Patrícia Abravanel

Tudo começou quando Silvio Santos comentou em seu programa, neste domingo, que não havia gostado do filme Carol (2015), que retrata o relacionamento de duas mulheres. Ele perguntou aos participantes do Jogo dos Pontinhos, então, se eles eram a favor ou contra duas mulheres se amarem como se fossem um casal. “Acho que a gente tem que ensinar para o jovem de hoje que homem é homem, e mulher é mulher. E se por acaso ele tiver alguma coisa dentro dele que fale diferente, aí tudo bem. O que está acontecendo é que estão falando que tudo é normal, tudo é bonito, o jovem acaba experimentando coisas que pode vir eventualmente a se arrepender depois”, disse Patricia. “Eu não sou contra o homossexualismo, eu sou contra falar que é normal. E outra, mulher com mulher não é tão legal assim, eu acho.”

No Instagram, parte dos seguidores de Patricia apoiou a moça. “Bando de chatos dramáticos, agora tudo é preconceito, ela nem precisava se desculpar por nada, ela só deu a opinião dela”, escreveu uma pessoa. Mas outros voltaram a criticar a posição da apresentadora do Máquina da Fama. “Desculpa te lembrar, mas estamos em 2016, querida, sua opinião além de lamentável para uma pessoa pública foi no mínimo ridícula! Afinal, não é a sua opinião ou dos preconceituosos que vão fazer os gays deixarem de existir!”, disse um seguidor.

(Da redação)

Member of The Internet Defense League